Breeze, novo mapa de VALORANT, é um paraíso caribenho com combates de longo alcance, espaços abertos e muitas palmeiras

Os jogadores podem pegar seus trajes de banho e mergulhar no novo mapa em 27 de abril.

Imagem via Riot Games

O mapa mais recente do VALORANT está situado na parte sul do Triângulo das Bermudas, então não se perca.

A Riot Games revelou oficialmente o paraíso tropical de Breeze hoje, após indicar o novo mapa com vários teasers e easter eggs. Os jogadores irão batalhar em uma remota ilha caribenha cheia de fortes antigos, palmeiras e tecnologia Radianite a partir de 27 de abril. E os jogadores podem esperar combates de longo alcance, grandes espaços abertos e amplos pontos de estrangulamento.

Imagem via Riot Games

“Um dos principais objetivos que tínhamos com Breeze era construir espaços maiores e mais abertos com linhas de visão mais longas do que os outros mapas disponíveis”, disse o designer sênior de jogo, Sal “Volcano” Garozzo. “Isso oferece uma oportunidade para diferentes armas e agentes brilharem.”

Breeze parece ser um contraste direto com o mapa anterior de VALORANT, Icebox, tanto em seu tema quanto em sua jogabilidade. A diferença entre as duas paisagens é óbvia, pois uma está situada em uma praia tropical e a outra em uma tundra gelada. Icebox, no entanto, tem muitos pontos de estrangulamento apertados que as equipes precisam superar para chegar a um local. As linhas de visão de longo alcance e os grandes espaços abertos de Breeza provavelmente o tornarão mais comparável ao Ascent.

Imagem via Riot Games

Os ouvidos dos usuários da Operator podem ter se animado depois de ouvir que Breeze favorece combates de longo alcance. O mapa de praia provavelmente será um ótimo mapa para o fuzil de precisão, permitindo que as equipes controlem os locais e forcem os oponentes a usar efetivamente sua utilidade. Por esse mesmo motivo, agentes como Breach, Omen, Jett, Reyna e Astra provavelmente terão sucesso na praia.

Quanto à história por trás de Breeze, o artista principal Devon Fay explicou como seu cenário ajudou a reforçar a história inicial de VALORANT.

“O cenário também nos permite contar uma história da pirataria moderna em um local rico em história”, disse Fay. “E se a Kingdom perdesse o controle de suas lojas e tecnologia Radianite? O que as pessoas que o pegaram fariam com ele?”

Imagem via Riot Games

A Riot provavelmente continuará explorando a história de VALORANT à medida que novos agentes e mapas forem lançados. E Kingdom, uma organização maligna que busca controlar o poder de Radianite, pode ter alguns de seus suprimentos confiscados por quem quer que habite Breeze.

VALORANT Episódio Dois, Ato Três vai ao ar em 27 de abril junto com um novo passe de batalha e linha de skins.


Certifique-se de nos seguir no  YouTube  para mais notícias e análises sobre esportes.

Artigo publicado originalmente em inglês por Andreas Stavropoulos no Dot Esports no dia 23 de abril.