Ranqueadas de VALORANT não poderiam ficar disponíveis até que erro fosse corrigido, explica diretor do jogo

O plano original era que saísse ao longo desta semana.

Imagem via Riot Games

Os fãs que estavam animados para as ranqueadas de VALORANT precisaram esperar um pouco mais.

Joe Ziegler, diretor de jogo de VALORANT, disse que os desenvolvedores descobriram um erro que permitia que os jogadores ressurgissem na base inimiga. Devido à existência desse erro, Ziegler disse que a Riot não iria habilitar as aguardadas ranqueadas do jogo até que fosse resolvido.

Ziegler disse ontem que o plano era habilitar as ranqueadsa hoje ou em algum momento da semana, mas também disse que daria mais notícias no fim do dia. Diversos jogadores de VALORANT relataram ter encontrado erros depois de a atualização 1.02 ir ao ar, um dos quais permitia que o modo fantasma fosse habilitado durante as partidas públicas.

Desde o lançamento oficial do jogo, em 2 de junho, os fãs aguardam o modo competitivo para treinar e melhorar suas classificações. A Riot disse que não incluiria as ranqueadas no lançamento oficial do jogo, apesar de elas já estarem disponíveis há várias semanas no beta fechado, porque queria ajustar o sistema e permitir que os novos jogadores se adaptassem ao jogo antes de os colocar em ranqueadas.

Para poder jogar ranqueadas, o jogador precisa antes ter completado 20 partidas não-ranqueadas. Depois, é preciso jogar 5 partidas de colocação para determinar em qual das 8 classificações vai entrar. Cada classificação tem três níveis, sendo 1 o mais baixo e 3 o mais alto.

Relacionado: Como funciona o Competitivo em VALORANT

No beta, a classificação mais alta do jogo era conhecida simplesmente como VALORANT. A Riot decidiu mudar o nome, porém, para Radiante. Ferro é a classificação mais baixa do jogo.

Atualização, 24 de junho, 18h BRT: O modo ranqueado já foi lançado no servidor brasileiro após a resolução de alguns erros.

Artigo publicado originalmente em inglês por Preston Byers no Dot Esports no dia 23 de junho.