Fontes: Rekkles está de saída da G2 Esports, time está procurando novo atirador

Rekkles não vai jogar pela gigante europeia no ano que vem.

Foto de Michal Konkol via Riot Games

O atirador da G2 Esports, Rekkles, não fará mais parte do time de League of Legends no ano que vem, segundo fontes do Dot Esports.

No momento, a G2 está no processo de vender o contrato do jogador, que terminaria em novembro de 2023. Ao longo das últimas semanas, de acordo com as fontes, a G2 vem informando os jogadores, a equipe e outras pessoas próximas a seu time de LoL sobre a saída iminente de Rekkles.

A relação entre a G2 e Rekkles foi prejudicada após uma temporada em que a equipe europeia não conseguiu se classificar para o Campeonato Mundial. É a primeira vez desde que passou a fazer parte da maior liga do continente que a equipe não consegue uma vaga no Mundial.

Rekkles representaria a G2 no sorteio dos grupos do Campeonato Mundial 2021, em 22 de setembro, como convidado especial. Mas, de última hora, devido à tensão das negociações entre as duas partes, o atirador não participou do sorteio. Em vez disso, a G2 combinou que o caçador Jankos o substituiria.

Com a relação entre Rekkles e G2 próxima do fim, a organização tem sido exigente quanto aos times com que negocia o contrato do jogador. A Team Vitality já demonstrou interesse no atirador, mas a G2 não está aberta a negociações com a organização no momento, segundo as fontes.

O futuro de Rekkles na cena profissional de League of Legends ainda é incerto. Não se sabe qual será seu próximo time e nenhuma opção foi descartada. Até mesmo a LPL, LoL Pro League, da China, poderia ser seu novo lar, já que há interesse mútuo, de acordo com as fontes. Mas a América do Norte e a Europa ainda são grandes possibilidades para Rekkles.

A G2 tem feito vários testes com atiradores europeus, como já adiantamos no Dot Esports em 21 de setembro. Mas ainda não foi escolhido o possível substituto de Rekkles.

G2 e Rekkles se despedem após um ano decepcionante em que eram os favoritos da LEC, mas terminaram a temporada sem uma vaga no Mundial. A saída de Rekkles da Fnatic para a G2, em novembro de 2020, foi uma das transações mais caras da pré-temporada. Na época, ele substituiu Perkz, que cruzou o Oceano Atlântico e passou a fazer parte da Cloud9. Mas a G2 não venceu nenhuma das duas fases da LEC em 2021.

A organização alemã deve passar por uma grande reestruturação no final deste ano, pois Wunder (topo), Mikyx (suporte) e Grabbz (técnico) também provavelmente sairão do time, como também já adiantamos no Dot Esports. Parece que a G2 vai formar o novo time em torno de Caps, do meio, cujo contrato vai até o final de 2023, e de Jankos, seu caçador.

Artigo publicado originalmente em inglês por Pablo Suárez no Dot Esports no dia 28 de setembro.