Forgot password
Enter the email address you used when you joined and we'll send you instructions to reset your password.
If you used Apple or Google to create your account, this process will create a password for your existing account.
This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.
Reset password instructions sent. If you have an account with us, you will receive an email within a few minutes.
Something went wrong. Try again or contact support if the problem persists.
Imagem via Riot Games

Tudo que você precisa saber sobre o Mid-Season Invitational 2021

O MSI sobe de nível neste ano.

O Mid-Season Invitational está de volta após uma pausa de um ano. Desta vez, há mais que a glória em jogo para os melhores times de League of Legends.

Recommended Videos

Em 30 de março, a Riot Games apresentou um novo formato para o evento deste ano, com mais incentivo para os jogadores que vão competir internacionalmente.

O evento costuma ser um bom indicativo de qual é a melhor região do ano antes do Campeonato Mundial, que acontece em setembro. Mas o Mundial sempre foi o campeonato principal do jogo, com as melhores histórias, melhores premiações e melhores arenas.

Em edições anteriores, algumas equipes não levavam o MSI tão a sério quanto outros eventos. A gigante europeia G2 Esports chamou atenção por ter saído de “férias” em vez de se preparar para o MSI em 2016. A equipe saiu do campeonato com um placar de 2-8 e a resposta da comunidade foi bem negativa.

Neste ano, em Reykjavík, Islândia, não há desculpas. A Riot garantiu isso com um novo formato e estrutura de premiação.

Formato

A Riot se livrou da fase de entrada neste ano e dividiu as 12 regiões em quatro níveis, com base nos resultados dos últimos dois anos de campeonatos internacionais.

1: China (LPL), Europa (LEC), Coreia do Sul (LCK)

2: América do Norte (LCS), Sudeste Asiático (PCS)

3: Turquia (TCL), CEI (LCL), América Latina (LLA)

4: Japão (LJL), Brasil (CBLOL), Oceania (LCO)

O resultado foi dividir os times em três grupos, que o diretor de operações globais da Riot, Tom Martell, sorteou “aleatoriamente usando um software”. A equipe classificada de cada região será escolhida com base nos resultados da temporada atual.

Imagem via Riot Games

O evento será dividido em três etapas diferentes neste ano. Na fase de grupos, os grupos B e C jogam partidas únicas de ida e volta, enquanto o grupo A fará o mesmo, mas com o dobro de partidas. Os dois times mais bem-colocados de cada grupo avançam para a próxima fase do campeonato. Na próxima fase, o “hexágono”, os seis melhores times jogam partidas únicas de ida e volta. Os quatro melhores avançam para uma semifinal, onde jogam duas melhores-de-cinco. Os vencedores dessas partidas se encontram na grande final, em uma última série melhor-de-cinco.

Programação

Os 11 times, exceto a GAM Esports, da VCS, que não conseguiu participar do evento devido às restrições de viagem por conta da pandemia de COVID-19, se encontram em Reykjavík, Islândia. O MSI ocorre ao longo de duas semanas, começando às 10h BRT de 6 de maio e encerrando com a semifinal e a final, que acontecem respectivamente em 21-22 e 23 de maio, também às 10h BRT.

Premiação

Neste ano, a liga do vencedor receberá uma vaga adicional no Mundial.

Quando o evento terminar, em maio, a liga com mais pontos “de poder”, calculados com base em uma série de variáveis, receberá uma vaga adicional (a não ser que essa mesma região também tenha vencido o MSI). Caso a região tenha vencido o MSI, a vaga adicional irá para a região com o segundo maior número de pontos.

MSI Temporada 9Mundial Temporada 9Mundial Temporada 10Pontos totais
LCS2002
LEC4121228
LPL1202849
LCK184049

Atualmente, de acordo com a pontuação que a Riot implementou em 2017, a LPL e a LCK estão empatadas em primeiro lugar com 49 pontos cada uma. O MSI deste ano dará oito pontos aos vencedores, quatro ao vice-campeão e dois a cada semifinalista.

Isso significa que, se a LPL se classificar para a semifinal, já tem uma vaga extra garantida no Mundial. Caso a LCK ou a LPL vença o campeonato, no entanto, a LCK também receberá outra vaga. A LCS e a LEC, assim como as outras ligas menores, precisam vencer o MSI para garantir essa vaga adicional no Mundial.

Artigo publicado originalmente em inglês por Jerome Heath no Dot Esports no dia 28 de abril.

Author
Image of Jéssica Gubert
Jéssica Gubert
Jéssica is a writer, editor, and translator working at GAMURS since 2019, but with a lifelong experience in word games and TV shows. She can also be found at concerts or babbling about board games anywhere.