Riot comenta a seleção de campeões do ARAM do LoL

Boa sorte nos dados.

Imagem via Riot Games

A Riot explicou exatamente quão aleatório é o modo “All Random All Mid” (ARAM) de League of Legends.

Mojibake, designer sênior de software, comentou o modo de jogo caótico no Pergunte à Riot de hoje, explicando como funciona a seleção de campeões do ARAM.

A seleção de campeões do ARAM usa o Formador de Equipes, um serviço que sabe quais campeões cada jogador tirou e o que há na reserva. E ele impede que os jogadores tirem campeões que já tenham saído por outra pessoa.

“Trocando em miúdos, todo o processo da Seleção de Campeões obedece aos comandos do servidor”, disse Mojibake. “O Formador de Equipes é que manda. A confirmação e cada uma das trocas, seja ela a primeira, segunda, entre sua equipe ou da reserva, são todas transacionais. Isso significa que é impossível que duas pessoas possam trocar para o mesmo Campeão ao mesmo tempo; o Formador de Equipes processará cuidadosamente uma troca para depois processar outra.”

Se o processo é mesmo “totalmente aleatório”, no entanto, já depende. Cada vez que você recebe um campeão, o jogo leva vários fatores diferentes em consideração. Há alguns campeões que sempre são gratuitos no ARAM, há os campeões gratuitos da rotação semanal, os campeões que você tem e os campeões que cada time tirou. Apesar de todas as variáveis, “você sempre receberá um Campeão aleatório que ainda não esteja nem em uma equipe e nem na reserva”, segundo a Riot.

O processo de seleção de campeões também é reiniciado depois de cada seleção. Então é completamente possível tirar o mesmo campeão com o qual você jogou na partida anterior ou que tirou em uma Seleção de Campeões em que houve desistência.

Artigo publicado originalmente em inglês por Andreas Stavropoulos no Dot Esports no dia 25 de março.

See the Special Best Buy Gaming Offers on Headphones, Laptops, Keyboards, Mice, Monitors, Accessories, Components, Games, and much more.