Após reformulação, Sona tem a maior taxa de vitórias no ARAM na atualização 11.16 do LoL

As mudanças feitas a Sona fizeram dela a mais poderosa do Howling Abyss.

Imagem via Riot Games

Quando a Riot Games fez uma pequena reformulação à clássica suporte Sona na atualização 11.16 de League of Legends, a ideia da desenvolvedora era que a campeã se tornasse mais viável nas etapas mais avançadas do jogo no Summoner’s Rift. Mas as alterações feitas a Sona fizeram da campeã uma força imbatível no Howling Abyss: Sona se tornou a campeã mais forte do modo de jogo ARAM após a atualização 11.16 do LoL.

Na atualização 11.16, a recém-reformulada Sona subiu ao topo do ARAM. Seus 56,87% de vitórias no ARAM são os maiores entre todos os campeões do jogo, segundo o site de estatísticas de LoL OP.GG.

Kog’Maw e Ashe estão logo atrás de Sona em termos de vitórias no ARAM, sendo os três os únicos com 56% ou mais de vitórias no ARAM na atualização 11.16. Maokai e Xerath, respectivamente, são os próximos campeões da lista.

Quanto a Sona, o motivo de ela ter subido tanto tão rapidamente é, principalmente, sua nova habilidade passiva Accelerando, que permite acumular aceleração de habilidade ao participar de combates em equipe. Como o ARAM é um modo com muitas lutas em equipe, Sona pode acumular a passiva no Howling Abyss muito mais rapidamente que no Summoner’s Rift. Além disso, como o feitiço de invocador Clareza é viável no mapa, Sona ainda pode manter seus recursos sempre em nível máximo.

Os itens mais populares para Sona após a atualização seguem uma abordagem de suporte tradicional. Itens como Regenerador de Pedra Lunar, Turíbulo Ardente e Cajado Aquafluxo são a composição básica de Sona no Howling Abyss. Como as habilidades de Sona têm foco em sobrevivência, fica mais difícil morrer no ARAM e os oponentes têm mais dificuldades de capitalizar na personagem, o que não acontece com outros suportes.

Artigo publicado originalmente em inglês por Michael Kelly no Dot Esports no dia 18 de agosto.