4 personagens de Arcane que queremos ver como campeões de LoL no futuro

Arcane tem muitos personagens originais que seriam ótimos em League of Legends.

Imagem via Netflix e Riot Games

Embora Arcane conte a história de alguns campeões do LoL, há muitos outros personagens além dos campeões que ajudam a moldar a série da Netflix.

Muitos desses personagens originais do mundo de Arcane poderiam fazer parte de League of Legends, assim como alguns campeões originais do LoL fazem parte da história de Arcane. Alguns dos personagens da série têm habilidades, talentos e histórias de origem que poderiam entrar também para o Summoner’s Rift, se encaixando muito bem com as mecânicas e o estilo de League of Legends.

Confira alguns dos personagens originais de Arcane que seriam ótimos campeões para League of Legends.

Silco

O primeiro ato de Arcane inteiro é recheado de conflitos, mas se existe um personagem que pode ser considerado o “vilão” da série, com certeza esse personagem é Silco. O personagem tem muito tempo de tela e é um dos mais proeminentes da série, especialmente entre os que não já façam parte do elenco de League of Legends. Se Silco for adicionado ao jogo, a equipe de design da Riot precisará aproveitar suas criações de alquimia e seu comportamento e postura elegantes. Seria divertido ver um personagem de LoL usar poções da forma que Silco usa, possivelmente até as misturando em tempo real no campo de batalha para causar dano a inimigos e fortalecer aliados. Embora Singed já preencha a vaga do personagem “alquimista” do LoL, usar uma abordagem diferenciada e modernizada para esse arquétipo faria com que Silco se encaixasse perfeitamente no cenário de League of Legends. Um personagem tão único quanto Silco poderia ser um mago da rota do meio ou até um campeão suporte.

Deckard

Deckard é um personagem poderoso e ameaçador em Arcane e, se ele for lançado no LoL, será tão assustador no Summoner’s Rift quanto é na série. Como campeão de League of Legends, Deckard teria que aproveitar ao máximo seu enorme braço direito, assim como o poder de Shimmer, o composto químico que transforma humanos em monstros em uma questão de segundos.

Talvez uma mecânica que permita que Deckard equilibre suas formas de humano e de monstro, enquanto ainda mantém a chance de se transformar em um campeão mais tanque para a linha de frente, possa funcionar com sua temática como campeão do LoL. Em Arcane, Deckard explora os limites entre o lado homem e o lado monstro e, em League of Legends, ele provavelmente precisaria fazer o mesmo para manter seu poder sob controle.

Mel Medarda

Em Arcane, Mel Medarda estreia no universo de League of Legends como integrante do conselho de Piltover. Se Mel fosse adicionada ao LoL como campeã, ela provavelmente usaria habilidades mágicas ou inspiradas na tecnologia Hextec, e provavelmente se encaixaria bem no papel de maga, causando dano com poder de habilidade. Suas raízes em Piltover e seu envolvimento com o desenvolvimento das energias Hextec como um todo são partes essenciais de sua personagem em Arcane; seria preciso também fazer delas uma parte essencial da personagem enquanto campeã de League of Legends.

Bolbok

Bolbok teve apenas algumas poucas falas no primeiro ato de Arcane, mas, quando vimos esse robô dourado aparecer na tela usando um terno completo, foi impossível não perceber como o personagem se destacava de todos os outros vistos em Arcane até aquele momento. Em certa parte do segundo episódio, Bolbok menciona como a magia “quase destruiu [sua] raça”, mas depois o assunto muda quase completamente. Bolbok nunca volta ao assunto para explicar qual é sua raça, por que ela é importante para a história ou até mesmo o que ele é capaz de fazer. Ver essa história explicada com mais detalhes em League of Legends pode ser apropriado para um personagem que parece relegado a um papel pequeno em Arcane.

Além disso, sempre há espaço para mais robôs no elenco de campeões de League of Legends. Seu físico maior e mais robusto implica que, se realmente entrasse para o elenco do LoL, Bolbok provavelmente se encaixaria no papel de tanque da rota do topo ou suporte de iniciação.


A primeira parte de Arcane já está disponível na Netflix. O segundo ato da série estreia em 13 de novembro.

Artigo publicado originalmente em inglês por Michael Kelly no Dot Esports no dia 08 de novembro.