World of Warcraft Classic pode continuar em Cataclysm, se a comunidade quiser

Embora Wrath of the Lich King Classic seja lançado este ano, não há planos para o Cataclysm.

Imagem via Activision Blizzard

Os fãs de World of Warcraft finalmente conseguiram o modo “Classic” que eles pediram em 2019 e, ao longo dos anos, continuou a progredir da mesma maneira que o título MMO original da Blizzard fez em meados dos anos 2000.

Durante a apresentação da nova expansão de hoje, foi anunciado que o Classic entraria na expansão Lich King ainda este ano. Falando ao IGN, o chefe do World of Warcraft Classic, Brian Birmingham, explicou que se o jogo vai ou não ir mais longe no Cataclysm, agora depende da comunidade.

“Estamos tentando encontrar esse ponto de equilíbrio onde possamos preservar o sentimento clássico e ainda garantir que estamos dando às pessoas coisas novas para fazer”, disse Birmingham. “Porque obviamente [se] você vai jogar de novo, você vai chegar ao fim. E você vai dizer: ‘Eu quero mais’. Bem, o que temos?”

“Vamos tentar garantir que encontremos algo que satisfaça as pessoas que lhes dê algo mais para fazer, e também se pareça tanto com o Classic originalmente. Se isso é ou não Cataclysm ou qualquer outra coisa no futuro é algo que não decidimos hoje, e definitivamente queremos ouvir o feedback da comunidade.”

Birmingham observou que Cataclysm traz consigo um título ignominioso; para muitos fãs de WoW, a expansão de 2010 marca um ponto de virada para o jogo, e não na direção certa. Da mesma forma, a introdução do “Dungeon Finder” no final da expansão Lich King não caiu bem na comunidade, e já foi descartada do Wrath of the Lich King Classic.

O diretor de produção do WoW Classic, Patrick Dawson, acrescentou que a adição do Classic desde o início foi para os fãs e a equipe continuará levando a comunidade em consideração antes de adicionar novas expansões.

“Todo este jogo tem sido uma carta de amor para os fãs desde que decidimos fazer World of Warcraft Classic originalmente… Quando lançamos o Classic, nós realmente nos concentramos nisso”, disse Dawson. 

“Continuaremos a focar em Wrath e garantir que seja uma expansão incrível para os jogadores, mas depois aproveitaremos esse momento para pausar e ouvir e ver o que os jogadores estão dizendo, o que estão pensando e o que eles estão sentindo.”

Artigo publicado originalmente em inglês por Ryan Galloway no Dot Esports no dia 19 de abril.