Como obter pontos para o Nível de Conta rapidamente no VALORANT

Use seu tempo com sabedoria.

Imagem via Riot Games

A Riot introduziu o Nível de Contas na atualização3.0 em 22 de junho, adicionando uma nova maneira de reconhecer e recompensar os jogadores pelo tempo gasto em VALORANT.

O sistema de progressão rastreia os níveis da conta em todos os modos de jogo e aumenta ao longo do tempo. Um nível numérico baseado em quanto você joga o jogo pode ser encontrado no Card de Jogador da sua Conta.

Para subir de nível, você pode ganhar pontos de conta com base em quantos jogos você joga e quantas horas você investe no jogo. O sistema recompensa você com base em sua lealdade e tempo investido não apenas nas ranqueadas, mas em todos os modos de jogo.

Ganhar pontos na conta o mais rápido e eficiente possível

Os pontos de contas são ganhos ao jogar qualquer tipo de modo de jogo no VALORANT.

A quantidade de pontos de conta que você ganha por partida depende do resultado e da duração, então realmente não importa se você está jogando competitivo, não classificado ou Disputa de Spike.

Há um pequeno bônus por vencer partidas, de acordo com o designer competitivo sênior, Jon “EvrMoar” Walker, mas é só isso.

Você também receberá pontos bônus na conta pela primeira vitória do dia. 

Subir de nível rápido depende de quantas horas você passa jogando o jogo. Se você é um jogador ávido e faz fila diariamente, seu nível aumentará naturalmente. Certifique-se de obter sua primeira vitória do dia para progredir em um ritmo constante.

O nível de sua conta aumenta a cada 5.000 pontos de conta ganhos. Você começará com uma borda prateada nos níveis um a 99, até uma borda dourada dos níveis 300 a 399. Mas você não necessariamente começará no nível um. 

Imagem via Riot Games

Você receberá uma certa quantidade de pontos de conta com base em quantas partidas você jogou antes da atualização 3.0. Você pode estar em qualquer lugar do nível de conta um a 100 (ou mais), dependendo de quantos jogos você jogou até 22 de junho. 


Siga-nos no  YouTube  para mais notícias e análises sobre esportes.

Artigo publicado originalmente em inglês por Jerome Heath no Dot Esports no dia 02 de julho.