10 DE Fevereiro DE 2018 - 01:28

Argentinos da Karma são campeões da Overwatch Open Divison América do Sul 2018

Os hermanos bateram os brasileiros da Outlanders por 4 a 0.
Dot Esports Brasil: Writer and Translator | Redator e Tradutor
preview
Imagem via Karma

A primeira Overwatch Open Division América do Sul desde o lançamento da Liga Overwatch chegou ao fim nessa sexta-feira (9). A equipe argentina da Karma, que representou seu país na Copa Mundial de Overwatch de 2017, venceu a série contra os brasileiros de Outlanders por 4 a 0 e se sagrou a campeã do torneio.

Por ter vencido todas as partidas que jogou na chave dos vencedores do campeonato, a Karma começou a série melhor de sete com um mapa de vantagem. A Outlanders, depois de uma derrota precoce por 3 a 1 para os brasileiros da Uprising em sua primeira partida do mata-mata, sobreviveu a todas as seis séries da chave dos perdedores e garantiu sua vaga para a grande final após vencer a Brasil Gaming House por 3 a 1 na final dos perdedores. Eduardo "dudu" Macedo, da BGH, não participou da partida por problemas de energia em sua casa e foi substituído pelo técnico Jonathan "TMATTEI" Mattei nessa série.

Mercy, que faleceu na atualização de 30 de janeiro, ressuscitou em dois mapas da grande final nas mãos de Alan "ddx" Salvati da Karma. Combinações de Ana, Lúcio e Zenyatta tomaram seu lugar quando ela não estava.

Em Torre Lijiang, o primeiro mapa da série entre Karma e Outlanders, os argentinos dominaram o mapa e, depois de uma longa prorrogação no segundo ponto, fecharam a primeira partida por 2 a 0.

Em Rota 66, o mapa de escolta da série, a Outlanders esgotou o tempo de ataque da Karma, que mesmo assim entregou a carga até o ponto final na prorrogação. Na troca de lados, a Outlanders fez um ataque convincente no primeiro trecho, perdeu o ritmo até conseguir pegar o segundo e foi parada pela boa defesa da Karma no início do terceiro. Os argentinos fecharam o mapa por 3 a 2 e tinham a oportunidade de finalizar o campeonato no mapa seguinte.

A Karma iniciou o terceiro mapa, Colônia Lunar Horizon, com um ataque convincente. A equipe argentina abriu 2 a 0 ficou com pouco mais de seis minutos de sobra para uma possível volta. Os brasileiros da Outlanders empataram e mantiveram pouco menos de quatro minutos no banco.

Com menos tempo que os argentinos, a Outlanders começou no ataque na segunda rodada e tomou o primeiro ponto com facilidade, mas precisou esgotar o banco que tinha para capturar o segundo. A Karma suou na sua vez, mas empatou o mapa em 4 a 4 com banco para um terceiro e último ataque sem dar chances de contra-ataque à Outlanders.

Por precisarem apenas de um terço do primeiro ponto para garantir o título, a Karma jogou com segurança e fechou o mapa com uma Lâmina do Dragão de Nicolas "LeviataN" Brosio no Genji combinada com Alan "ddx" Salvati na Sombra e duas finalizações de Carlos "Battletoad" Riccardi com Lúcio.

Com a vitória, a Karma se mantém como o melhor time de Overwatch na América do Sul e vai forte para a Overwatch Contenders da região. A Outlanders fecha a competição em segundo lugar e a Brasil Gaming House em terceiro.

No total, a Overwatch Contenders América do Sul 2018 terá cinco equipes com jogadores brasileiros. O torneio começará em 5 de março.

compartilhamentos
Próximo Artigo