8 DE maio DE 2018 - 17:55

LA League de CS:GO e vaga latino-americana na Pro League podem continuar, CEO da ESL Brasil diz

O CEO não confirmou, mas mostrou que a ESL Brasil luta para manter o acesso da América do Sul à Pro League
Dot Esports Brasil: Writer and Translator | Redator e Tradutor
preview
Foto via Felipe Guerra

A primeira ESL LA League, que acabou no último fim de semana, foi mesmo só a primeira.

O CEO da ESL Brasil, Leo De Biase, disse em uma entrevista à ESPN Esports Brasil que a LA League e a vaga que seu campeão recebe para as finais mundiais da Pro League devem continuar na próxima temporada de 2018. A LA League é o principal campeonato latino-americano da empresa em Counter-Strike: Global Offensive, e a Pro League é seu circuito mundial.

“Ao que tudo indica, poderemos dar vaga também para [as finais da oitava temporada da Pro League em] Odense, no final do ano”, De Biase disse à ESPN. O CEO comentou que a equipe brasileira da ESL fez reuniões pela Europa para buscar apoio para a América Latina e sua vaga da Pro League. Antes da LA League, as equipes da região só teriam uma vaga nas finais do torneio se começassem a atuar na América do Norte, Europa ou Ásia-Pacífico conquistassem a vaga nesses torneios regionais.

De Biase disse que a ESL Brasil quer uma etapa oficial da Pro League na América Latina em vez de misturar o circuito com a LA League. "Mesmo se tivermos uma Pro League [da América Latina], que é o nosso objetivo, a LA League não vai sumir. Pelo contrário, ficará cada vez mais forte", De Biase disse.

O CEO lembrou que a ESL Pro League é uma parceria com a World Esports Association (WESA, ou Associação Mundial dos Esports, em tradução livre), que busca regulamentar as relações entre organizadores de campeonatos, equipes e jogadores profissionais. "Tudo tem de passar por votação, planejamento e aprovação do comitê", De Biase afirmou.

O foco da WESA em 2018, de acordo com De Biase, é se consolidar na Ásia. "Agora só falta a gente", disse. O foco em 2019, portanto, pode ser outro.

As finais da sétima temporada da Pro League de CS:GO acontecerão em Dallas, nos Estados Unidos, com a participação inédita de uma equipe que veio do torneio da América Latina. A Sharks Esports, do Brasil, conquistou a vaga no domingo passado ao vencer a Fúria eSports nas finais da LA League.

As finais da oitava temporada, que só começará nos segundo semestre de 2018, acontecerão de 10 a 16 de dezembro. Pelas palavras de Leo De Biase, é provável que uma nova equipe latino-americana tenha uma vaga garantida no torneio ao vencer a segunda temporada da LA League.

Próximo Artigo