Lucian foi o campeão mais banido do evento principal do Mundial 2020, em 78,9% das partidas

Nidalee e Twisted Fate ficaram em segundo e terceiro lugar.

Imagem via Riot Games

O Campeonato Mundial 2020 de League of Legends acabou, e agora temos as estatísticas. Lucian, O Purificador, se destacou como campeão mais banido no campeonato.

O campeão, tradicionalmente um atirador, causou problemas no Mundial 2020. Por sua flexibilidade para uso em três funções, Lucian é considerado dominante em quase todas as rotas do meta. Ele pode ser usado no topo ou como atirador, mas acaba tendo mais destaque em outro lugar. Os jogadores descobriram que sua maior dominância é na rota do meio, especialmente no lado azul.

Pela dominância e flexibilidade, ele foi banido em 78,9% das partidas do evento principal do Mundial 2020, segundo estatísticas do Oracle’s Elixir e do Game of Legends

Captura de tela via Oracle’s Elixir

Apesar de Lucian ter mais destaque na rota do meio, ele chegou a aparecer na rota inferior em uma partida. Perkz, atirador da G2 e historicamente um dos melhores jogadores da Europa, escolheu Lucian na semifinal contra a DAMWON Gaming, que acabaria se tornando campeã. Infelizmente para ele, não foi possível se igualar ao time inimigo, que acabou com as chances da G2. 

Artigo publicado originalmente em inglês por George Geddes no Dot Esports no dia 31 de outubro.