Jogadores de Overwatch acham que a nova atualização do PTR pode enfraquecer a estratégia GOATS

A Blizzard claramente está focando a força dos tanques na atualização do servidor de teste.

Imagem via Blizzard Entertainment

O ano passado pareceu a era do GOATS, um estilo de jogo popularizado por uma equipe de Overwatch com esse nome. O estilo de três tanques e três suportes de Overwatch dominaram a Copa Mundial de Overwatch, a Overwatch Contenders e as ranqueadas. Variações estouravam em todo canto, com a comunidade nunca sendo realmente capaz de conter essa explosão.

A Blizzard colocou uma nova atualização no servidor de testes de Overwatch ontem, e muitos estão especulando que é um enfraquecimento direto da GOATS. Três heróis em particular foram alvos: D.Va, Brigitte e Reaper. A Blizzard diminuiu a redução geral de dano da armadura de cinco para três, o que afetará todos os heróis. Anteriormente, a armadura reduzia todos os danos recebidos em até cinco com um máximo de metade do valor normal dos heróis. Ela ainda está limitada na metade, mas deve ajudar mais heróis de Overwatch a enfrentarem inimigos com escudos maiores, a Blizzard disse.

Veja também: Atualizações importantes do modo espectador serão adicionadas a Overwatch.

A Blizzard reduziu o Reagrupar de Brigitte a uma duração máxima de 30 segundos. A desenvolvedora disse que o Reagrupar era frequentemente usado com um efeito acumulativo que fazia seus aliados durarem demais, tudo enquanto acumulavam energia para um novo Reagrupar. “Essa mudança coloca um limite na duração de seu efeito de Reagrupar para torná-lo um pouco mais gerenciável nessas situações”, a Blizzard escreveu nas notas da atualização.

O técnico do Paris Eternal, Julien Ducros, disse ao Dot Esports que o enfraquecimento de Brigitte é o mais importante. “Dá para ver que a Blizzard quer encontrar o enfraquecimento certo para a GOATS já que permite ela demais”, Ducros disse. “Eles estão indo por esse caminho e isso é muito importante para todos”.

A Matriz de Defesa de D.Va também teve um enfraquecimento em seu tempo de recarga, que foi aumentado de um para dois segundos. A mudança deve permitir que os inimigos combatam melhor a habilidade, já que ela terá um tempo de inatividade mais significativo. Quanto a Reaper, a Blizzard aumentou o valor do Roubo de Vida de A Colheita de 30 por cento para 50 por cento do dano causado. Essa é sua habilidade passiva que o deixa jogar agressivamente, a Blizzard disse. Aumentar a vida que ele consegue obter garante que ele possa manter a pressão e permanecer seguro.

“No final, D.VA foi enfraquecida de maneira concreta, e isso impactará com certeza (Graviton, Bombardeio, Bomba Eletromagnética, Desabrochar), enquanto o enfraquecimento de Brigitte foi mais ‘abstrato'”, Ducros disse. “E quando digo abstrato, é só que você precisa jogá-la de forma diferente. O enfraquecimento é só um enfraquecimento para certas possibilidades de uma jogada mais forte, mas ainda é relevante se você mudar a maneira de usá-lo”.

Em geral, a comunidade competitiva de Overwatch está animada, ainda que hesitante, com as mudanças. É muito cedo para dar a sentença de morte da GOATS, mas muitos jogadores, treinadores e analistas estão otimistas. Ducros disse ao Dot Esports que é um “passo à frente” em direção a um verdadeiro enfraquecimento da GOATS, mas ainda muito difícil de dizer neste momento. Os jogadores precisam de tempo para se viver as mudanças antes de vermos uma grande mudança deixando a GOATS.

“Digamos que você ative [o Reagrupar] só para iniciações ou fugas, você ainda irá tirar um grande valor”, Ducros disse. “Agora que a armadura foi reduzida, assim como a matriz de D.VA, heróis como Zarya ainda estão bem consistentes. E por enquanto não sei se ele tem muito impacto, mas se eu vir Reaper nas composições de GOATS eu não ficaria surpreso.”

Ducros disse que há muitas maneiras de olhar para o cenário, mas é cedo demais para ter informações concretas. “Precisamos de algum tempo para entender”, ele acrescentou. “Mas o fato é que estamos nos aproximando da primeira fase, então me pergunto se teremos tempo para muito teste e teorias.”

Justin “Jayne” Conroy, o treinador do Dallas Fuel, quer testar as mudanças antes de fazer qualquer previsão.

Mas alguns jogadores estão ansiosos por uma mudança que altere o meta. Riley “Fahzix” Taylor do Washington Justice declarou GOATS como “(talvez) morta “ enquanto previa o retorno de uma meta de atiradores de elite duplos. Outros, como Shane “Rawkus” Flaherty, do Houston Outlaws, acabaram de mostrar entusiasmo com a mudança de qualquer coisa. “Os treinos serão interessantes agora, isso vai ser empolgante”, ele twittou.

Como é habitual nas atualizações do PTR de Overwatch, a atualização mais recente permanecerá em teste por algumas semanas antes de passar para o servidor principal.