Caixa de colisão de Caitlyn é alterada ao usar sua ultimate no LoL

Um descuido ou um recurso pretendido?

Imagem via Riot Games

Todos nós já ouvimos sobre como as caixas de colisão de campeão mudam quando você está no rio de League of Legends, mas e as caixas de colisão que mudam ao usar uma habilidade?

Em um clipe postado no Reddit, um jogador encontrou uma estranha mudança de caixa de colisão enquanto jogava como Caitlyn em um jogo contra a IA. Antes de destruir o Nexus inimigo, o jogador ficou no limite da fonte do time inimigo e tentou usar sua ultimate no Nasus adversário. Curiosamente, uma vez que a modelo de Caitlyn dá um passo à frente ao usar sua ultimate, a fonte começou a atingi-la, apesar da habilidade ser usada de fora do alcance da fonte.

O jogador de Caitlyn iniciou o clipe mostrando que seu Q não tem essa mesma interação, pois em vez de dar um passo para frente, Caitlyn dá um passo para trás. Ele não tentou ver se usar essa habilidade para dar um passo em direção ao Nexus enquanto no alcance máximo da fonte também acionaria o ataque da fonte. Um usuário nos comentários confirmou que a interação ultimate/fonte não ocorreu com seu Q. 

Embora essa interação teoricamente faça sentido, outros campeões que têm seus modelos se movendo enquanto permanecem estacionários não sofrem danos dessa maneira. Mas, para muitos desses campeões, esses movimentos são parte de retornos e emotes, que são diferentes do uso de uma habilidade normal. 

Quando comparado a algo como o E de Galio, que fisicamente o move de volta ao início da habilidade e muda sua hitbox, essa interação entre Caitlyn, sua ultimate, e a fonte inimiga parece um erro. Este pode não ser o enfraquecimento de que Caitlyn precisa, mas saber que essa interação única existe a torna ainda mais especial.


Siga-nos no  YouTube  para mais notícias e análises sobre esportes.

Artigo publicado originalmente em inglês por Ethan Garcia no Dot Esports no dia 19 de junho.