Diferenças entre o Nintendo Switch original e o modelo OLED

Existem algumas diferenças importantes.

Imagem via Nintendo

Na manhã de 6 de julho, a Nintendo anunciou a mais nova versão de seu popular console Nintendo Switch, o modelo OLED. O “mais novo membro da família Nintendo Switch” será lançado ainda este ano em 8 de outubro, a um preço de US$ 349,99. Agora, existem três versões do Switch: o Nintendo Switch original, o Switch Lite e o modelo Switch OLED.

Além de um aumento de preço de US$ 50, há algumas diferenças importantes entre o Switch e o modelo Switch OLED que você deve conhecer.

Tela mais ampla

Naturalmente, o modelo OLED possui uma tela de toque OLED em comparação com a tela de toque LCD do Switch. A tela aumenta para 7,0 polegadas no modelo OLED em comparação com a tela de 6,2 polegadas no Switch e a tela de toque LCD de 5,5 polegadas no Switch Lite. Apesar de uma tela extra de meia polegada maior, o modelo Switch OLED em si é apenas um pouco maior. É 0,1 polegada mais longo e aproximadamente 20 gramas mais pesado que o switch original.

Imagem via Nintendo

Duas vezes mais armazenamento interno

Uma das maiores melhorias no modelo OLED é dobrar a quantidade de armazenamento interno, aumentando de 32 GB para 64 GB. Esta é uma boa notícia para os jogadores de Switch que não gostam de comprar versões físicas do jogo, especialmente considerando o tamanho de alguns dos jogos mais populares da plataforma. O Breath of the Wild, por exemplo, ocupa mais de 13 GB de armazenamento, o que é quase metade do armazenamento em um switch normal, mas menos de um quarto no modelo OLED.

Porta LAN integrada

Os jogadores com Wi-Fi irregular agora podem se alegrar, uma porta LAN integrada foi adicionada à parte traseira do modelo Nintendo Switch OLED. Uma conexão LAN pode ser usada em vez de Wi-Fi quando o modelo Switch OLED está sendo reproduzido no modo TV. Um cabo LAN não está incluído na compra do modelo Switch OLED.

Suporte mais amplo e áudio aprimorado

O modelo Nintendo Switch OLED possui uma base traseira mais larga e ajustável, em comparação com a base fina e básica do Switch original. Além disso, os alto-falantes integrados do modelo OLED oferecerão suporte a “áudio aprimorado”.

Além disso, o Joy-Cons original funcionará com o modelo Switch OLED e vice-versa. Não há suporte para 4K no modelo OLED como muitos fãs esperavam, e a duração da bateria do modelo OLED é a mesma do original.

Artigo publicado originalmente em inglês por Scott Robertson no Dot Esports no dia 06 de julho.