Recapitulação: o que aconteceu na história de Apex Legends em 2020

A morte de Forge incluída.

Imagem via Respawn Entertainment

De um robô assassino imortal a uma astrofísica que deseja pesquisar viagens no tempo, 2020 trouxe muitas novidades ao Apex Legends.

O Battle Royale começou a explorar sua história com ainda mais profundidade este ano e a cada temporada, desde que Sorte Grande trouxe uma missão de um mês que avança a narrativa no universo. Tanto com texto quanto com quadrinhos, as missões contribuíram para contar uma história que em sua maior parte se limitou a curtas de animação, trailers ou teasers.

Com a Fronteira obtendo mais e mais detalhes a cada temporada, é difícil manter o controle de todas as narrativas que estão acontecendo em Apex. Aqui está o que aconteceu este ano.

Chegada de Revenant

Os Jogos Apex são o esporte sangrento mais brutal da Fronteira e a quarta temporada trouxe seu competidor mais sanguinário até então. A quarta temporada apresentou Revenant, o Pesadelo Sintético, aos Jogos Apex, e sua chegada trouxe elementos importantes que mudariam o universo Apex.

A história de vingança de Revenant está ligada à Hammond Robotics, uma corporação moralmente duvidosa que o transformou em um simulacro: uma mente humana carregada em um corpo robótico. A Hammond Robotics deu a ele a ilusão de humanidade desde o início, programando-o para ver sua imagem humana onde quer que fosse, e o empregou como um assassino mecânico de 300 anos. Cada vez que ele morreria, sua memória seria apagada e ele retornaria a um novo corpo, pelo menos até que seus sistemas funcionassem mal.

Uma falha em sua programação o forçou a se lembrar de 300 anos de mortes horríveis. Revenant se voltou contra a Hammond Robotics, matando todos remotamente relacionados à empresa (RIP Forge) como um meio de causar estragos e fazê-los pagar.

Revenant expôs os fortes laços entre o Sindicato dos Mercenários e a Hammond Robotics e criou um lugar para uma nova empresa na narrativa maior de Apex, uma que era vital para avançar na próxima temporada.

Revenant fez muito mais do que apenas ir atrás da Hammond Robotics, no entanto. O trailer de lançamento da quarta temporada o mostrou assassinando os vigaristas Marcos e Alanza Andrade, mas poupando seu filho - que voltou como a 13ª lenda da Apex .

A vingança de Loba

Loba entrou nos Jogos Apex com um estrondo, literalmente. No trailer de lançamento da quinta temporada, Loba encontrou uma instalação subterrânea que abrigava o “código-fonte” de Revenant, a fonte de sua imortalidade. Ela acionou os sistemas de segurança e causou uma explosão que explodiu Cidade Caveira e o protocolo de emergência teletransportou a cabeça de Revenant para Psamathe, longe de seu alcance.

O lugar de Loba na história começou como a arquinêmese de Revenant, mas a missão da quinta temporada fez dela a arquiteta de um enredo que teve repercussões vitais para outras lendas. Em O Fantasma Despedaçado, Loba orquestrou um estratagema para recuperar nove pedaços de uma misteriosa relíquia a mando da Hammond Robotics.

O Fantasma Despedaçado

Embora Loba fosse a garota-propaganda de Sorte Grande, a quinta temporada compartilhou mais conhecimento sobre o resto das lendas. A missão começou com a busca da vingança de Loba, mas terminou com ela como a possível salvadora de Revenant, e trazendo o resto das lendas para a ação.

Loba enganou as lendas para coletar nove peças de um artefato misterioso, mas ela não estava contando toda a história. Os personagens descobriram que ela fez um acordo com a Hammond Robotics: a empresa entregaria a localização do código-fonte de Revenant em Psamathe em troca do artefato. Apesar da conexão com a Hammond, as lendas reuniram a relíquia para encontrar um rosto familiar para os jogadores de Titanfall 2.

O artefato não é um “o quê”, mas um “quem”: o simulacro conhecido como Ash. Ela deixa as lendas com uma série de mensagens enigmáticas que mencionam Branthium, Darion e Duardo e Olympus, uma dica do que estava por vir.

Antes que as dicas sinistras de Ash se encaixassem, no entanto, O Fantasma Despedaçado avançou a história de várias lendas. O desejo de Loba de destruir Revenant pode ser a salvação do simulacro, já que ele só quer que sua existência acabe. O relacionamento inicial de Crypto e Wattson foi interrompido depois que Caustic o enquadrou como o espião (que por acaso era o próprio Caustic). Bangalore e Loba começaram a baixar a guarda um ao redor do outro. Várias outras lendas também desempenharam um papel na missão.

Costumes Antigos

Apesar do enredo cativante entre Revenant e Loba, o ano passado não foi apenas sobre novas lendas. A Respawn lançou um episódio de Histórias das Terras Ermas chamado Costumes Antigos, que narrou a história de Bloodhound e deu aos fãs um evento no jogo com o mesmo nome.

O curta animado mostrou o incidente Meltdown em Talos que matou os pais de Bloodhound e transformou a borda do mundo em um deserto desolado. Ele explicou como um órfão em uma pequena aldeia poderia desafiar a tradição para se tornar Blooth Hoondr. É um mergulho profundo de 10 minutos na história de origem de uma das lendas mais misteriosas do jogo.

Depois que a cinemática foi ao vivo, a Respawn organizou um evento chamado Costumes Antigos durante a quarta temporada e adicionou Dominação de Cidade - Provações de Bloodhound em Confins do Mundo. A arena abrigava itens importantes do passado da Rastreadora Tecnológica, incluindo um Rifle de Carga e a armadura de Artur.

Rampart e Sheila

A sexta temporada fez uma pausa na história entre Loba e Revenant para apresentar a mais nova competidora: a especialista em armas Ramya “Rampart” Parekh. Rampart se juntou aos Jogos Apex por meio de um convite pessoal do comissário dos Jogos Apex, que a encontrou dentro dos restos em chamas de sua loja.

Rampart mudou-se para o Paradise Lounge como companheira de quarto de Mirage durante a missão da sexta temporada. Não se sabe muito sobre ela até agora, mas além de ser uma modder famosa nas Terras Ermas, ela fez seu nome no circuito de luta do submundo, o que a torna uma boa candidata nos Jogos Apex.

Blisk e Ash reaparecem

Apesar da adição de Rampart, a sexta temporada da Apex trouxe dois personagens de Titanfall 2 para mais perto dos holofotes. Kuben Blisk, o comissário dos Jogos Apex, reapareceu após uma longa ausência e as lendas descobriram o que aconteceu com Ash após os eventos de O Fantasma Despedaçado.

Depois que as lendas reconstruíram Ash, a Hammond Robotics tirou alguns códigos de seu banco de memória e a jogou em um beco em Solace. Pathfinder a acolheu enquanto ela inicializava de volta, lembrando-se de alguns fragmentos de sua vida anterior.

Blisk localizou Ash e revelou que ele foi o único que escondeu seus restos, jogando-os no espaço. No final da missão, Ash se junta a Blisk novamente depois que ele diz que "um velho amigo" de Ash estava de volta, mas sem dizer explicitamente quem é.

Horizon

A sétima temporada apresentou uma das lendas mais velhas: Horizon, que tem 37 anos, 37 (com margem de erro de 88 anos...), como diz sua biografia oficial. Sua história é de perda, não apenas de um ente querido, mas também de uma vida inteira.

Quase um século antes dos eventos de Apex, a próspera cidade de Olympus enfrentou uma crise de energia sem precedentes. Dra. Mary Somers (e sua assistente, Dra. Reid) embarcaram em uma jornada para encontrar uma fonte alternativa de energia escondida nas profundezas do espaço: um recurso chamado Branthium.

Dra. Somers se separou de sua assistente para tentar coletar o Branthium localizado nos arredores de um buraco negro. Depois de garantir o recurso, a Dra. Reid desacoplou sua nave e a deixou presa no espaço. A Dra. Somers ficou lá por menos de um ano, mas a passagem relativa do tempo significa que mais de 80 anos se passaram enquanto ela estava fora.

Ela voltou para uma paisagem totalmente diferente. Olympus foi evacuado devido a uma anomalia gravitacional e se tornou a nova arena para os Jogos Apex. A vida que ela tinha quando partiu há muito se desvaneceu, incluindo seu filho, Newton, que provavelmente faleceu de velhice.

Olympus foi a razão pela qual ela perdeu tudo, mas também é onde ela tem uma chance de ter sua vida de volta. A Dra. Somers adotou o nome “Horizon” e se juntou aos Jogos Apex para financiar sua pesquisa sobre viagem no tempo para que ela pudesse se reunir com seu filho. Agora, ela luta nas ruínas da mesma cidade que já foi sua casa.

"Um pouquinho de traição"

Apesar de estar preso no espaço por décadas, Horizon não está completamente isolada do resto do universo de Apex. Sua história tem uma série de ligações com Ash e o final da missão da quinta temporada.

O monólogo enigmático de Ash no final de O Fantasma Despedaçado incluía uma série de temas misteriosos que acabaram sendo importantes ganchos de história que a ligam a Horizon. Uma das falas de Ash menciona que "todos os caminhos levam a Branthium", o mineral misterioso que Horizon e a Dra. Reid decidiram encontrar. Mas aquilo foi só o inicio.

Em um dos teasers da sétima temporada, Horizon mencionou “um pouquinho de traição” enquanto estava presa no espaço. A citação é uma correspondência palavra por palavra com uma das falas de Ash no final de O Fantasma Despedaçado: "Só um pouquinho de traição antes do café da manhã, hein querida?" A passagem se torna ainda mais reveladora depois de levar em conta que " querida” é uma das frases de efeito da Horizon.

Várias das citações de Ash também começam a fazer sentido no esquema geral das coisas e dão a entender que ela poderia ter vivido como Dra. Reid antes de se tornar um simulacro. Em Family Portrait, Darion Che apontou que a Dr. Reid chamava ele e Duardo Silva quando os dois iam visitar o Peck Labs, e uma das falas de Ash em O Fantasma Despedaçado era “Darion! Duardo! ”

E agora?

Tem sido um ano agitado para Apex, mas ainda há uma série de narrativas a serem exploradas no próximo ano. O final de O Fantasma Despedaçado não revela se Loba planeja ajudar Revenant a morrer em sua morte final, por exemplo, e o retorno de Blisk e Ash pode significar que outro punhado de narrativas perto de Titanfall pode se desenvolver no próximo ano. Se Ash realmente for a Dr. Reid também, isso poderia ter implicações sérias para a história de Horizon, sem mencionar as novas missões e lendas que serão lançadas no próximo ano.

Artigo publicado originalmente em inglês por Pedro Peres no Dot Esports no dia 23 de dezembro.