Lost Ark é “pagar para vencer”?

Não é tão simples assim.

Imagem via Smilegate

Um jogo gratuito com várias oportunidades, níveis diferentes de pacotes de pré-venda e vários drops de streamers patrocinados na Twitch? Parece um terreno fértil para mecânicas chamadas de “pay-to-win” (“pagar para vencer”).

Todos os jogos gratuitos têm lojas com vários itens cosméticos diferentes, para gerar renda para o jogo. Mas às vezes há muito mais que visuais disponíveis na loja.

Lost Ark é “pagar para vencer”?

Sim e não, a depender de quem responde essa pergunta. A melhor forma de definir o modelo de Lost Ark é que você paga “por conveniência” e não “para vencer”. Lost Ark é uma jornada longa e árdua para aqueles que tiverem tempo de se dedicarem, mas nem todo mundo tem esse tempo para dedicar. Então há alguns itens que você pode adquirir para facilitar sua vida.

Um dos mais importantes desses itens é a Crystalline Aura, que é um tipo de assinatura do jogo e fornece o bônus Beatrice’s Blessing por 30 ou 180 dias. Ele remove o custo do Triport, reduz o custo de ocean liner, aumenta a recuperação de energia vital, adiciona espaços de Bifrost, reduz o tempo de recarga de Song of Return e habilita funções de animais de estimação, como vender e reparar itens, entre outros benefícios.

A Crystalline Aura ajuda você a matar monstros e conquistar masmorras? Não, mas melhora drasticamente a sua qualidade de vida e é algo que só pode ser obtido com Crystals ou dinheiro de verdade.

Você também pode comprar pacotes semanais na seção Packs da loja. Esses pacotes contêm poções de troca, itens de batalha e outros itens. Alguns deles podem melhorar o seu desempenho em combate, mas nada desbalanceado que estrague o jogo.

Artigo publicado originalmente em inglês por Scott Robertson no Dot Esports no dia 10 de fevereiro.