Como usar um cartão SD com o Nintendo Switch OLED

Leve seus jogos no bolso.

Imagem via Nintendo

O Nintendo Switch OLED é o mais novo modelo de Switch e deve se tornar o principal produto da série. A tela OLED é a principal mudança ao console, mas outras melhorias de qualidade de vida também buscam melhorar a experiência dos usuários.

O suporte do Nintendo Switch OLED foi uma mudança drástica, já que o da última versão tinha muito espaço para melhorar. Com o suporte anterior, o Switch podia cair muito facilmente, mas o modelo mais recente resolve esse problema, já que é feito do mesmo material da parte de trás do console e uma base mais firme.

Mesmo com todas as melhorias, a Nintendo conseguiu manter o peso do console quase igual. Outra mudança importante no Nintendo Switch OLED é onde fica o espaço para inserir o cartão MicroSD. Nas versões anteriores do console, os cartões MicroSD eram inseridos na parte inferior do console. Por isso, houve casos de cartões MicroSD caírem do Switch durante momentos mais intensos de jogo ou caso o console caísse.

No Nintendo Switch OLED, o espaço para inserir o cartão MicroSD está escondido embaixo do suporte e, para inserir o cartão, é necessário um movimento horizontal. Essa nova localização deve fazer com que seja impossível que o seu cartão MicroSD caia por acidente.

Considerando que o armazenamento base do Nintendo Switch OLED ainda é relativamente pequeno, 64 GB, provavelmente será necessário comprar um cartão MicroSD para garantir que caibam mais jogos no sistema. Sem um cartão MicroSD, você pode precisar desinstalar jogos para baixar outros, o que não é muito prático.

Se você acabou de comprar seu Nintendo Switch OLED e está se perguntando qual seria o melhor cartão MicroSD para ele, compilamos algumas sugestões de cartões SD para Nintendo Switch e Switch Lite que devem ser suficientes.

Artigo publicado originalmente em inglês por Gökhan Çakır no Dot Esports no dia 08 de outubro.