Epic Games entra com ação judicial contra o desastroso festival Norwich Fortnite | Dot Esports Brasil

Epic Games entra com ação judicial contra o desastroso festival Norwich Fortnite

E lá se vai o evento do ano que vem.

Imagem via Epic Games

A criadora de Fortnite, Epic Games, começou a tomar medidas legais contra os organizadores do recente festival Norwich Fortnite Live, que tem sido apelidado de “Fyre Festival de Fortnite”.

O festival se espalhou pelas redes sociais no fim de semana por ter sido uma enorme perda de tempo e de dinheiro. Não só as atrações eram horríveis e mal administradas, como a existência de uma única parede pequena de escalada para mais de 3.000 crianças, como não havia praticamente nada para fazer, o que levou a muitos reembolsos sendo emitidos no dia.

O evento foi comparado ao Fyre Festival, o infame e desastroso festival de música de 2017 que recentemente foi tema de um documentário popular na Netflix.

O festival não foi licenciado pela Epic Games e aparentemente tudo dele, incluindo a página do Facebook, desapareceu depois que ele terminou. Seus organizadores, uma empresa chamada Exciting Events, usaram materiais licenciados de Fortnite para promovê-lo sem a aprovação da Epic.

Em um comunicado enviado à Eurogamer, a Epic disse que tomaria medidas legais contra os organizadores. A Epic “não estava de forma alguma associada ao evento que ocorreu em Norwich”, a empresa disse. A Epic emitiu a ação contra a Exciting Events no Supremo Tribunal de Londres.

A Exciting Events anunciou recentemente que planeja trazer o evento de volta no próximo ano para o mesmo local. Mas isso com certeza não parece provável agora.

Obrigado, Eurogamer.