Facebook estaria oferecendo 2.500 dólares aos parceiros da Mixer que participarem de sua comunidade de Criadores de conteúdo de jogos

É um pagamento único que pode fazer grande diferença para alguns streamers.

Imagem via Microsoft

Com o encerramento das atividades da Mixer, a Microsoft se uniu ao Facebook Gaming para ajudar a encontrar um novo lar para seus parceiros. Muitos não vão olhar para o Facebook como primeira opção, mas a empresa vai oferecer um bônus único àqueles que decidirem se juntar a sua comunidade de Criadores de conteúdo de jogos.

Segundo o jornalista de esports Rod “Slasher” Breslau, o Facebook estaria oferecendo um bônus único de 2.500 dólares (aproximadamente 13 mil reais) para os parceiros da Mixer que estiverem dispostos a passar para o Facebook Gaming.

O acordo só se aplicaria aos parceiros da Mixer que entrassem para a comunidade de Criadores de conteúdo de jogos e ficassem por 90 dias completos depois de aceitar os termos de uso do serviço. Também haverá certas obrigações que os streamers parceiros deveriam cumprir.

Slasher também disse que o Facebook fez ofertas a Ninja e shroud que pagariam mais que seus acordos iniciais de exclusividade com a Mixer, mas os dois recusaram e ainda não anunciaram seus planos para o futuro no streaming.

Os dois maiores streamers da Mixer parecem estar seguindo em frente, mas muitos dos parceiros da Mixer podem ser atraídos pelo bônus de 2.500 dólares, que pode levar um bom número de streamers ao Facebook. 

Se o Facebook conseguir garantir alguns dos streamers que tinham boas comunidades na Mixer, pode conseguir um bom aumento em usuários ativos e recorrentes na plataforma. O pagamento único pode ajudar a estabilizar a situação dos criadores enquanto recomeçam suas comunidades na nova plataforma, o que faz dessa a aposta mais garantida para muitos dos streamers menores.

Mais detalhes sobre o acordo e as obrigações que os antigos parceiros da Mixer vão precisar cumprir devem ser revelados nos próximos dias, à medida que mais streamers decidirem onde vão fazer suas próximas transmissões.

Artigo publicado originalmente em inglês por Cale Michael no Dot Esports no dia 22 de junho.