MIBR multa fer por comentários racistas durante stream

O valor será doado a organizações que lutam pela igualdade racial.

Foto via StarLadder

A equipe brasileira de CS:GO, MIBR, multou fer ontem por fazer comentários racistas durante uma transmissão da Twitch de duas semanas atrás.

O garoto de 28 anos interagiu com um de seus espectadores, que disse que fer continuava tocando seu cabelo. “Você está triste porque seu cabelo é duro e ruim?” disse fer. “O meu é bom e liso, você está com raiva porque seu cabelo é duro.”

A estrela do CS:GO ficou visivelmente irritada quando alguns de seus espectadores apontaram que ele estava sendo racista. “Por que racista, mano? Tudo é racista para vocês”, disse fer e mostrou o dedo do meio para a webcam.

Depois que o clipe se tornou viral no início desta semana, a MIBR emitiu um comunicado ontem condenando as ações da estrela e o puniu com uma multa. “Fer, um de nossos jogadores, cometeu um erro”, disse a MIBR. “Ele estava errado. Ele fez comentários em sua stream que não refletem nossos valores, e acreditamos que também não refletem seus valores.”

O valor da multa não foi divulgado pela MIBR, mas a equipe disse que trabalhará com fer para doá-lo a organizações que lutam pela igualdade racial. “Fer sabe e reconhece esse tipo de linguagem que alimenta uma narrativa que é errada e profundamente prejudicial”, disse a MIBR. “Em vez de se esconder, ele enfrentou o problema e pediu desculpas.”

Fer pediu desculpas a seus seguidores minutos depois que a MIBR emitiu a multa. A estrela disse que é conhecido por brincar com tudo e não tem preconceito contra nada.

“Acabei dizendo uma frase racista, que tem racismo estrutural por trás e não tenho vergonha de admitir que não tinha conhecimento sobre o racismo estrutural”, disse fer. “Depois de conversar com algumas pessoas e pesquisar, entendi o impacto que isso tem.”

Embora fer tenha sido multado, ele não enfrentou outras sanções e jogou normalmente contra a Chaos ontem no BLAST Premier Spring Showdown North America. A declaração da MIBR e as desculpas de fer dividiram os fãs no Brasil, com muitos dizendo que fer não foi racista, mesmo que a estrela tenha reconhecido seu erro.

Artigo publicado originalmente em inglês por Leonardo Biazzi no Dot Esports no dia 03 de junho.