MIBR enfrentará Astralis nas quartas da DreamHack Masters Estocolmo de CS:GO

Os brasileiros enfrentarão a melhor equipe do mundo amanhã.

Foto via DreamHack

A equipe dos brasileiros da MIBR enfrentará os melhores do mundo da Astralis nesse sábado.

A partida entre a MIBR e os dinamarqueses da Astralis acontecerá pelas quartas de final do torneio de Counter-Strike: Global Offensive na DreamHack Masters Estocolmo 2018 às 8h da manhã do sábado (1) no horário de Brasília. O confronto foi definido por sorteio na tarde dessa sexta-feira (31).

Enquanto a Astralis tentará manter o posto de melhor do mundo, a MIBR tentará provar que pode voltar a ser um time de elite.

A entrada dos jogadores norte-americanos Jacky “Stewie2k” Yip e Tarik “tarik” Celik e do técnico Janko “YNk” Paunovic na MIBR veio depois de um período turbulento dos outros três jogadores brasileiros na equipe. A MIBR de Marcelo “coldzera” David, Gabriel “FalleN” Toledo e Fernando “fer” Alvarenga sequer passou da fase de grupo de torneios como ESL One Cologne 2018, do qual foram campeões nos dois anos anteriores. Eliminações precoces na WESG 2018, DreamHack Marseille 2018 e ELEAGUE Premier 2018 também foram atestados da queda de rendimento dos brasileiros, que foram os melhores do mundo em Counter-Strike na maior parte de 2017.

Mas a MIBR está invicta desde a entrada do técnico YNk, incluindo as partidas que disputou nessa DreamHack Estocolmo 2018. Os brasileiros e norte-americanos dominaram seu grupo e atropelaram o time de elite europeu da mousesports para se classificar em primeiro lugar para a fase eliminatória.

O passado recente dos dinamarqueses da Astralis é diferente. Eles dominam o Counter-Strik: Global Offensive mundial há meses e dividem o posto de melhores do mundo com os outros europeus da FaZe Clan. Foi a Astralis a equipe campeã da DreamHack marseille 2018 e da ELEAGUE Premier 2018 em que SK Gaming e MIBR foram eliminadas na fase de grupos.

Se a Astralis já passou por apuros, isso ficou no passado. Os dinamarqueses tiveram um curto período sem títulos no final de 2017 que sumiu desde a entrada de Emil “Magisk” Reif em fevereiro desse ano. Desde então a equipe foi campeã de quatro torneios e vice-campeã em um.

Mas o desempenho da Astralia na DreamHack Estocolmo 2018 é diferente do desempenho da MIBR. Os dinamarqueses perderam por 2-1 para seus conterrâneos da North na partida dos vencedores de seu grupo, algo surpreendente ao se considerar que a North tem resultados muito piores do que os da Astralis.

A Astralis perdeu o primeiro mapa da partida decisiva contra a Tyloo, um time também inferior, por 16-13. Os dinamarqueses se recuperaram e venceram os dois mapas seguintes com facilidade, mas ainda assim mostraram que há fraquezas a serem exploradas.

A MIBR poderá explorar os problemas da Astralis para tentar recomeçar seu caminho rumo ao topo do mundo no CS:GO com o título da DreamHack Estocolmo 2018.

A partida entre MIBR e Astralis será transmitida em português no canal da DreamHack na Twitch.