Bloodhunt tem spyware?

Os jogadores perceberam um comportamento estranho no software antitrapaça do jogo.

Imagem via Sharkmob

Na última semana, os jogadores ficaram preocupados com um comportamento estranho que descobriram no novo battle royale de Vampiro: A Máscara, Bloodhunt, durante o acesso antecipado do jogo na Steam.

Acreditando que pudesse haver spyware no jogo, os jogadores perceberam que o software antitrapaça de Bloodhunt continuava rodando mesmo depois de fechar o cliente do jogo.

Após inúmeros relatos desse suposto “spyware”, a Sharkmob divulgou uma nota identificando os relatos como erros.

“Estamos trabalhando para resolver isso e esperamos resolver em breve”, disseram os desenvolvedores. “Gostaríamos que não fosse necessário usar software antitrapaça no nosso jogo, mas é absolutamente necessário para combater esse comportamento. Garantimos que levamos sua privacidade e seus dados muito a sério e o software antitrapaça é usado APENAS para encontrar e banir hackers e outras pessoas que trapacearem.”

Resumindo, Bloodhunt não tem spyware.

Os problemas relatados pelos jogadores se devem a um erro que a Sharkmob está trabalhando para resolver.

Artigo publicado originalmente em inglês por Max Miceli no Dot Esports no dia 16 de setembro.