A Bulldozer proibiu seu time de CS:GO de disputar partidas oficiais

A organização aplicou a punição até que os jogadores retornem para a gaming house.

Imagem via Valve

Michael “dok” Marques, jogador de CS:GO da Bulldozer, revelou que o time não pode disputar nenhuma partida oficial, até que retorne para a gaming house da organização.

O jogador disse que todos do time voltaram para suas próprias casas após conquistarem o título da oitava temporada da ESL Brasil Premier League em 4 de Maio.

Os motivos da ausência alegados por dok vão desde um problema de saúde de Gustavo “tge” Motta, capitão do time, que está se recuperando de um problema por pedras no rim a problemas estruturais da gaming house.

Segundo dok, a internet apresentava problemas de conexão constantes, que atrapalhava os jogadores durante as partidas. O jogador também reclamou dos computadores instalados na gaming house, que deixam a desejar.

O time vinha jogando partidas normalmente até a última terça-feira (21), quando a Bulldozer proibiu os jogadores de disputar todos os campeonatos, incluindo o qualificatório aberto do Minor, competição que dá vaga para o Major de CS:GO , até que eles retornem para a gaming house em Vitória (ES).

Dok disse que a equipe não pretende retornar para a gaming house até que tge esteja totalmente recuperado do problema de saúde.

A sanção da Bulldozer acarretou na eliminação por W.O da equipe no Minor. Isso motivou dok à tornar o impasse público.