Riot promete excelente qualidade e estrutura de servidores para jogadores de VALORANT em todo o mundo

Jogadores de VALORANT não deverão se preocupar com problemas nos servidores.

Imagem via Riot Games

À medida que aprendemos mais sobre o novo jogo de tiro em primeira pessoa da Riot Games, VALORANT, muitos jogadores já se perguntam como os desenvolvedores lidarão com a enorme base de jogadores que certamente aparecerá quando o jogo for oficialmente lançado, ainda este ano.

Tenha certeza, no entanto. A qualidade e a infraestrutura de servidor sempre estiveram no topo da lista de tarefas da Riot e eles serão poderosos o suficiente para lidar com um lançamento mundial.

A Riot está implementando servidores de 128 ticks para todos os jogadores gratuitamente. Isso aumentará a suavidade de oponentes que possam estar com lag para outros jogadores.

A Riot também tem trabalhado com vários provedores ao redor do mundo para atrair jogadores até a rede da Riot, a Riot Direct. A rede da empresa agora alcança 35 grandes cidades em todo o mundo para manter pelo menos 35ms de ping ou menos para pelo menos 70% de todos os jogadores.

Essa rede também deve permitir à Riot corrigir erros de rotas, equilibrar rotas congestionadas e até adicionar mais circuitos para permitir que mais pessoas joguem quando isso for necessário.

Todas essas melhorias existem para combater um problema comum na maioria dos jogos de tiro em primeira pessoa: a vantagem do do jogador sem lag. Isso ocorre sempre que há problemas de servidor ou rede em um jogo que permite que um jogador atacante atire em outro jogador antes que ele possa reagir. Cada jogo deve impedir que isso aconteça.

A Riot revelará mais detalhes sobre o VALORANT nas próximas semanas antes do lançamento do jogo neste meio de ano.

Artigo publicado originalmente em inglês por Tyler Esguerra no Dot Esports no dia 02 de março.