A Riot apresenta a recriação de partidas para o Competitivo de VALORANT

VALORANT está retirando uma página do livro do LoL.

Imagem via Riot Games

De forma semelhante ao recurso que foi introduzido em League of Legends em 2016, a Riot deu aos jogadores a capacidade de recriar completamente os jogos em outro título, VALORANT.

Chegando na atualização 1.07, os jogos competitivos do VALORANT que começam com times desequilibrados (quatro contra cinco) vão alertar os jogadores com “a opção de terminar o jogo em que estão e entrar na fila por um novo”. Além desse ponto, se um jogador se desconectar no início de uma partida ou em qualquer momento durante a primeira rodada, o time em desvantagem terá a chance de recriar o jogo e recomeçar completamente digitando “/remake” no chat. 

Todos os jogadores conectados devem concordar unanimemente com a votação para refazer o jogo e começar do zero assim que a votação for iniciada. Mas quem já viu o sistema em ação durante um jogo do LoL sabe que, na maioria das ocasiões, a votação para recriar quase sempre é aceita. 

Assim que a votação da recriação for aprovada, será como se a partida nunca tivesse acontecido. Os jogadores de ambas as equipes serão direcionados de volta ao menu principal sem receber nenhum ajuste de MMR ou XP. Além disso, os jogos recriados não aparecerão no seu histórico de partidas.

Artigo publicado originalmente em inglês por Michael Kelly no Dot Esports no dia 01 de setembro.