Doublelift: “Tem 0% de chance de Dota ter mais complexidade mecânica do que League”

O talentoso ADC falou sobre o debate entre os dois MOBAs.

Foto via Riot Games

Este artigo foi trazido pelo StatBanana, a melhor ferramenta de estratégia de Overwatch.

Dota 2 e League of Legends são dois dos MOBAs mais populares do mundo, mas o popular ADC da Team Liquid, Yiliang “Doublelift” Peng, acha que o título desenvolvido pela Riot Games tem uma complexidade de mecânicas muito mais alta do que a sua contraparte da Valve.

“Eu diria que Dota tem mais coisas a aprender do que o League quando se trata de diversidade de builds, diversidade de campeões e jogadas de mapa”, disse Doublelift durante uma stream recente. “Mas mecanicamente, não. Tem zero por cento de chance de Dota ter mais complexidade mecânica do que League.”

O jogador de 26 anos mencionou algumas razões para sua fala, incluindo a velocidade incomum de giro do personagem de Dota, o lag incorporado, a falta de skillshots, e a falta de avanços e habilidades. Ele também disse que Dota tem muitos atordoamentos de clique e habilidades direcionadas por alvo, mas mesmo que os jogadores tenham mais botões, o jogo não exige uma habilidade mecânica tão alta quanto o League.

Doublelift também disse, no entanto, que o Dota exige um conjunto diferente de habilidades. League é um dos MOBAs mais intensivos mecanicamente, devido ao grande número de campeões baseados em skillshot e aos campeões com muita mobilidade. Os campeões mais novos também estão ficando muito mais complexos com seus kits, o que levou a uma curva de aprendizado ainda maior para qualquer novo jogador de League que tente entrar no jogo.

Doublelift disse que nunca quis realmente se profissionalizar em Dota, mesmo sendo um jogador muito bom que “carregou em todas partidas em que entrou”. Em vez disso, o ADC veterano tentará o oitavo campeonato da LCS de sua carreira no próximo ano.

Artigo publicado originalmente em inglês por Tyler Esguerra no Dot Esports no dia 23 de dezembro.