Blizzard revela Dragonflight, nova expansão de World of Warcraft

Um novo capítulo de WoW aguarda no horizonte.

Imagem via Blizzard Entertainment

Dragonflight, a próxima expansão de World of Warcraft, foi revelada hoje pela Blizzard Entertainment. A expansão será a nona dos 18 anos de história do WoW e ainda não tem data de lançamento, mas já é possível se inscrever para o beta no site oficial do WoW.

Dragonflight vazou no começo deste mês, quando o Wowhead, site que cobre WoW há anos, encontrou referências ao título da expansão no código-fonte do site oficial do WoW. Com o anúncio de hoje, os vazamentos do começo do mês foram confirmados.

Dragonflight, que é a primeira expansão a ser revelada fora da BlizzCon desde Legion, em 2015, adiciona diversas novidades ao jogo, incluindo a nova região Ilhas do Dragão, composta de cinco zonas. Além disso, Dragonflight incluirá uma nova raça jogável, os Dracthyr, e uma nova classe, o Evocador. Pela primeira vez na história do WoW, a classe e a raça serão exclusivas entre si: somente Dracthyr podem ser Evocadores e somente Evocadores podem ser feitos como Dracthyr.

O nível máximo de WoW, que foi reduzido de 120 para 60 em Shadowlands, aumentará para 70 com o lançamento de Dragonflight. Os Evocadores Dracthyr começam no nível 58 e foram definidos pela Blizzard como uma “classe heroica”.

Imagem via Blizzard Entertainment

Embora ainda não tenha sido anunciada uma data de lançamento para Dragonflight, o fato de haver uma quarta temporada de Shadowlands ainda este ano abre espaço para que a nova expansão só chegue em 2023, fazendo de Shadowlands uma das expansões mais longas da história do WoW. Ao longo da história do WoW, somente três expansões —Wrath of the Lich King, Mists of Pandaria e Battle for Azeroth — duraram mais que dois anos.

World of Warcraft: Dragonflight ainda não tem data de lançamento. A Blizzard também ainda não revelou datas de testes alpha ou beta.

Artigo publicado originalmente em inglês por Michael Kelly no Dot Esports no dia 19 de abril.