Sett mostra a funcionário arrogante por que é ele que manda em novo conto do LoL

"Arrogância e más notícias."

Imagem via Riot Games

Um novo conto lançado hoje no site de League of Legends é um bom exemplo do estilo de gerência de Sett: comandar com punho de ferro.

Os fãs já ficaram sabendo como o colosso Sett foi de lutador qualquer a chefe. Agora, descobrimos o que acontece com as pobres almas que desafiam o Chefe.

Captura de tela via Riot Games

“Arrogância e más notícias” começa com um dia aparentemente comum na arena. Sett delega funções a seus trabalhadores, garantindo que haja grandões suficientes cuidando dos lucros enquanto se prepara para uma plateia enorme com “sede de sangue”.

O combatente de Sett, o astro Prahn, o Esfolador, bateu recordes de audiência, e toda a plateia sedenta por sangue queria ver sua infame espada-chicote em ação. O Esfolador sabe chamar a atenção, e também sabe matar. A arma, parecendo uma víbora, estalou no ar e rapidamente acabou com o desafiante Shuriman, cujo nome evidentemente não era importante o suficiente para Sett lembrar.

A plateia vai ao delírio ao ver o Shuriman deitado em uma poça de seu próprio sangue, e Prahn vai ficando mais e mais arrogante.

Prahn, o Esfolador continua ali depois que a plateia vai embora e se dirige a Sett, pedindo uma participação nos lucros da noite. O Chefe entende o sentimento muito bem, porque ele também queria uma participação nos lucros e usou suas habilidades para assumir a arena como sua.

“Beleza, eu saquei, mas isso não era motivo pra fazer o que ele queria”, Sett disse a si mesmo.

Depois de ouvir um “não”, o Esfolador explode, e parece que Sett precisa fazer com que ele se lembre quem é o chefe e quem é o funcionário.

Os dois decidem se enfrentar na arena, em frente a uma plateia (para que pelo menos Sett ganhasse alguma grana com essa ideia). Se o Esfolador vencer, assume a arena e “tudo que tem dentro”. Sett, por outro lado, não pede nada caso vença (“como se aquele palerma pudesse me oferecer alguma coisa decente”).

Já dentro da arena, o “senso vastayês de decência” de Sett fala mais alto e ele pede ao Esfolador que se desculpe publicamente perante a plateia. Mas o sucesso do combatente sobe à cabeça.

A espada-chicote imediatamente arranca um pedaço da bochecha de Sett e o Esfolador o derrubou com o broquel. Mas, quando o sangue de Sett começa a ferver, ele é impossível de parar.

Sett toma a espada-chicote com sua mão, já sem sentir dor, e mete o punho no Esfolador. A soqueira de bronze esmaga o Esfolador até não poder mais. Em seu último suspiro, o Esfolador lembra Sett que é sua maior atração. Mas, ao estar apanhando de um “campeão aposentado”, Prahn já não serve para nada na arena e é rapidamente segurado pela garganta e eliminado.

A história termina de forma humilde, com um momento puro entre Sett e sua mãe. O colosso leva um saco de moedas para a mãe e diz a ela que machucou a mão construindo um orfanato.

“Um rapaz tão bom”, ela diz, acreditando, orgulhosa, que seu filho leva uma “vida decente e respeitável”.

Artigo publicado originalmente em inglês por Andreas Stavropoulos no Dot Esports no dia 07 de janeiro.