Riot remove restrições de tiers da fila Flex para ajudar as equipes de League a se prepararem para os torneios Clash

Do Bronze ao Desafiante, todos podem jogar juntos agora.

Imagem via Riot Games

A fila Flex do League of Legends está prestes a se tornar muito mais flexível.

O diretor de jogo de League, Andrei “Meddler” van Roon, compartilhou pensamentos sobre o futuro do Clash, discutindo o modo de torneio em uma publicação de hoje no blogue sobre desenvolvimento. Para ajudar as equipes a se prepararem para o Clash sem nenhuma restrição, os limites de tiers do Flex serão removidos para permitir que todos os jogadores entrem na fila juntos, independentemente da sua classificação.

“Desde o lançamento do Clash, também vimos o número de equipes pré-formadas na fila Flex aumentar substancialmente”, disse Meddler. “Para ajudar o Flex a ser mais útil novamente, removeremos os limites de tier para que todos os jogadores possam se reunir independente de sua classificação”.

Para compensar a disparidade entre jogadores de alto e baixo nível, a Riot “calculará o MMR da equipe” em vez do MMR do jogador com a classificação mais alta. Isso evitará que os jogadores tentem abusar do sistema se unindo a jogadores de classificação inferior.

O Clash funciona da mesma forma, permitindo que jogadores de qualquer posição se juntem e se enfrentem na competição. Mas a equipe será colocada em uma chave com base no MMR do jogador com a melhor classificação.

Meddler também explicou que o próximo foco da equipe de desenvolvimento são as contas secundárias. Embora no Clash, elas já estejam deixando de receber suas recompensas e estejam sendo bloqueadas em torneios futuros, a Riot acredita que isso “não é suficiente por si só”.

Meddler ainda não compartilhou outras maneiras específicas de combater as contas secundárias, mas o desenvolvedor informou aos fãs que isso está no radar da Riot.

Artigo publicado originalmente em inglês por Andreas Stavropoulos no Dot Esports no dia 24 de abril.