Riot Reav3 discute a recente mudança do LoL para campeões mais humanos e novas criaturas chegando em 2022

Campeões semelhantes aos humanos agradáveis "a um público maior".

Imagem via Riot Games

Dois meses atrás, o produtor de campeão, Ryan “Reav3” Mireles, comentou em uma postagem do Reddit para discutir a adição de humanos, humanóides e criaturas ao League of Legends. E agora ele expandiu essa conversa em um blog de desenvolvimento.

A Riot continua a introduzir novos campeões e mecânicas de jogo para manter o LoL interessante para a base de jogadores. Mas para que esses acréscimos “atinjam seu objetivo”, de acordo com Reav3, eles precisam ser “escolhidos e jogados em partidas”. E para fazer isso, os desenvolvedores estabeleceram uma meta em 2017 de lançar campeões que “agradassem a um público maior”.

05_Samira_Splash_Art_5_26_21.jpg
Imagem via Riot Games

“Investigamos o que fazia com que um Campeão se tornasse popular ou de nicho, conduzindo pesquisas respondidas por pessoas do mundo todo”, disse Reav3. “O que descobrimos foi que um dos pontos principais que faz com que mais pessoas se identifiquem e sejam atraídas por um determinado Campeão é que ele seja humano (…) com base nos dados que coletamos a taxa de escolha de um Campeão aparenta ser uma combinação de poder real, poder percebido e identificação com a temática, sendo o tema uma parte GRANDE dessa equação.”

Embora existam algumas exceções de criaturas, como Kha’Zix e Yuumi, os campeões mais populares são aqueles que se parecem com humanos. Sua popularidade também varia de acordo com as regiões. Jinx, por exemplo, é mais popular nas regiões ocidentais por causa de sua estética punk rock. Em contraste, Xin Zhao e Jarvan são selecionados com mais frequência na China.

Os campeões humanos e humanóides também dão à Riot a oportunidade de representar diferentes culturas ao redor do mundo, outra razão para a mudança de direção. Reav3 referenciou especificamente Samira e Viego, que representam as culturas persa e espanhola da era dos conquistadores, respectivamente. Pode ser mais difícil fornecer representação cultural com um campeão criatura, no entanto.

06_Vel_Koz_Splash_Art_5_26_21.jpg
Imagem via Riot Games

Reav3 admitiu que os desenvolvedores “se inclinaram um pouco demais sobre os humanos normais” nos últimos anos. Portanto, o próximo campeão de criatura está programado para 2022, uma adição mais “sombria” em contraste com a adição de Yuumi, que é fofa.

“Isso não significa que vamos fazer uma criatura nova todo ano, já que elas tendem a ser de nicho, mas queremos fazer mais Campeões não humanos daqui pra frente”, disse Reav3.


Certifique-se de nos seguir no  YouTube  para mais notícias e análises sobre esportes.

Artigo publicado originalmente em inglês por Andreas Stavropoulos no Dot Esports no dia 26 de maio.