Riot pode combater contas secundárias em Clash impedindo que participem e revogando recompensas

Aqui se faz, aqui se paga.

Imagem via Riot Games

As contas secundárias, ou “smurfs”, podem acabar passando sem problemas pelas ranqueadas solo de League of Legends, mas pode haver repercussões sérias no Clash.

Jon “IAmWalrus” Moormann, designer de jogo da Riot, falou sobre o problema das smurfs no Clash, discutindo possíveis soluções no Pergunte à Riot. Pode ser difícil detectar as contas secundárias 100% do tempo, mas as diversas “punições” podem impedir que os jogadores de classificações mais altas carreguem seus amigos mais inexperientes.

Imagem via Riot Games

“Existem medidas que podemos tomar quando identificamos uma conta smurf, como banimento da conta no Clash ou revogação das recompensas obtidas por toda a equipe do jogador smurf”, IAmWalrus escreve. “Seremos muito cautelosos com esse tipo de punição (punir alguém injustamente é algo terrível), mas nosso objetivo é garantir que as equipes vencedoras do Clash cheguem ao topo jogando de maneira justa.”

A Riot já tomou algumas precauções para combater o problema, como exigir verificação por SMS, fazer com que os jogadores terminem partidas de colocação nas ranqueadas, e até uma detecção “por trás das câmeras”. Mas as smurfs ainda escapam.

As medidas adicionais de impedir que a conta participe do Clash e retirar as recompensas do time podem parecer extremas. Mas as smurfs estragam a experiência de times que querem testar suas habilidades contra jogadores de mesmo nível de habilidade. Talvez até a ameaça de exílio do Clash seja suficiente para fazer os jogadores desistirem de usar suas contas secundárias.

O segundo final de semana oficial de Clash será 14 e 15 de março.

Artigo publicado originalmente em inglês por Andreas Stavropoulos no Dot Esports no dia 5 de março.