Onde será realizado o Campeonato Mundial 2021 de League of Legends?

O evento final de League of Legends no ano está de volta à Europa.

Imagem via Riot Games

A Riot decidiu, em 24 de agosto, transferir o Campeonato Mundial 2021 de League of Legends da China para a Europa.

O plano era realizar o evento em várias cidades, da fase de grupos em Xangai à grande final na Shenzhen, e um estádio já tinha até sido anunciado.

Em 6 de novembro, a final aconteceria no Universiade Sports Centre, de 60.000 lugares, que entraria para a lista de lugares icônicos que já receberam a final do Mundial. A lista inclui ainda o Incheon Munhak Stadium em 2018, o Beijing National Stadium em 2017 e o Madison Square Garden de Nova York em 2016.

Mas, com a variante Delta da COVID-19, a Riot precisou abandonar seus planos originais, pois na China não era possível acomodar boa parte de seus times.

“Com a distribuição de vacinas no mundo todo neste ano, esperávamos que, em 2021, tudo já estaria voltando ao ‘normal’”, disse o diretor de esports da Riot, John Needham, em 24 de agosto. “Infelizmente, não é isso que estamos vendo. Com a variante Delta, as restrições de viagem e os protocolos contra a COVID tornaram nossa vida ainda mais complicada em 2021 do que era em 2020.”

A Europa, com o aumento das vacinações no continente, era a segunda melhor opção de local para o evento. “Após considerar todas as opções, concluímos que transferir a sede do Mundial para a Europa daria uma melhor oportunidade para que a maioria das equipes e os melhores jogadores pudessem competir”, explica Needham.

O Mundial 2021 será realizado na arena esportiva coberta Laugardalshöll, em Reykjavík, de 5 de outubro a 6 de novembro, segundo uma nota divulgada pela Riot em 9 de setembro.

“O maior e mais prestigioso evento de Esports competitivos do ano começa em 5 de outubro e termina com a Final em 6 de novembro, no recém-reformado Hall A da arena esportiva coberta Laugardalshöll”, diz a Riot.

Foram realizados no país o Mid-Season Invitational e o VCT Masters Reykjavík, ambos em maio, e a vacinação por lá já está avançada, segundo o Google.

Para, ainda assim, evitar transmissão do coronavírus, o Mundial 2021 será realizado de forma fechada e controlada em um sistema de “bolha” como o do Mundial 2020. Não haverá público no local.

“Continuaremos adotando as medidas recomendadas pelas autoridades e organizações de saúde para garantir a segurança de todas as pessoas”, garante a Riot.

Artigo publicado originalmente em inglês por Jerome Heath no Dot Esports no dia 01 de setembro.