Detalhes de League of Legends: Wild Rift são revelados

O chefe de design falou sobre a versão de League of Legends para consoles e dispositivos móveis em um Diário /dev.

Imagem via Riot Games

A Riot Games finalmente revelou mais alguns detalhes de League of Legends: Wild Rift, sua versão mobile, em um vídeo do Diário /dev de hoje. O foco principal do vídeo é garantir que a sensação dos campeões seja a mesma na versão nova.

Já que certos campeões não funcionariam muito bem no tipo de controle do mobile, boa parte deles será atualizado para que os controles expressem melhor as habilidades. Dois bons exemplos são o Q de Annie, Desintegrar, e o Q de Miss Fortune, Dois por Um, que foram modificados para os novos controles. Além disso, algumas habilidades que eram passivas, como o W de Vayne, Dardos de Prata, agora são parcialmente ativas.

Brian “Feralpony” Feeney, chefe de design de Wild Rift, disse que nem todo campeão precisa disso. Por exemplo, quem gosta de jogar de Orianna, Nami e Ziggs não deve sentir nenhuma grande mudança da versão de PC.

Além das mudanças funcionais, algumas habilidades de alguns campeões precisaram ser reimaginadas de outras formas. Por exemplo, a atualização de março de 2020 revela que o R de Lux, Centelha Final, será global. Isso lembra outra melhoria revelada no primeiro trailer de anúncio de Wild Rift, em que o R de Ashe, Flecha de Cristal Encantada, poderia passar a ser curvo depois do lançamento.

Como a data de lançamento ainda não está certa, Feralpony pediu que os jogadores ainda não baixassem nada relacionado ao jogo. Todo esse tipo de conteúdo é não-oficial e pode conter malwares perigosos.

Artigo publicado originalmente em inglês por Dylan Ladd no Dot Esports no dia 18 de março.