Summit1G mata sem mirar em Escape from Tarkov

Ele nem sabia que o cara estava lá.

Captura de tela via Summit1G

Summit1G tem experiência com jogos de tiro em primeira pessoa como Escape from Tarkov, mas por um momento em sua stream na noite passada, ele nem precisou ver um jogador para matá-lo.

Caminhando por um shopping abandonado, Summit passou por um pilar onde havia uma loja vazia com nada além de manequins, ou pelo menos era o que ele pensava.

Usando sua arma de mira telescópica para abrir um buraco em uma das vitrines das lojas, Summit parecia estar procurando entrar na loja e buscar refúgio contra inimigos em potencial. 

Mal sabia ele que alguém já havia feito isso. Quando a bala deixou a arma de Summit e penetrou no vidro, ela também penetrou em outro jogador, matando-o instantaneamente sem que Summit soubesse que a pessoa estava lá até depois da morte.

“Irmãos, vocês não vão acreditar no que diabos eu acabei de fazer”, Summit disse aos espectadores. “Tudo o que eu queria era abrir aquele vidro e havia um cara lá. Eu só queria abrir o vidro, mano. Eu não pretendia atirar no cara. Eu não sabia que ele estava lá até já ter atirado!”

Não deveria ser surpresa que Summit encontrasse uma morte acidental como essa em algum momento de seu tempo jogando EFT. Somente na semana anterior a essa stream, ele transmitiu EFT por mais de 99 horas, com os espectadores assistindo mais de 3 milhões de horas, e desde o início do ano ele joga o jogo em seu canal por 253 horas, com 6,76 milhões de horas assistidas, até o momento dessa morte.

Artigo publicado originalmente em inglês por Max Miceli no Dot Esports no dia 28 de janeiro.