Nairo exclui redes sociais após ser acusado de manter relações sexuais com CaptainZack, de 15 anos

Segundo CaptainZack, o caso teria começado em 2017.

Captura de tela via Nairo

Zack “CaptainZack” Lauth relatou hoje que ele e o também jogador profissional de Super Smash Bros. Nairoby “Nairo” Quezada tiveram relações sexuais quando Lauth tinha 15 anos e Quezada tinha 20.

Segundo Lauth, aconteceu pela primeira vez em abril de 2017 na CEO Dreamland. Desde então, Quezada e seu irmão teriam enviado dinheiro a Lauth para impedir que ele divulgasse qualquer coisa sobre a suposta relação.

“Me disseram que eu estava ‘fazendo minha parte’ ao não contar para ninguém sobre a relação, e por isso receberia dinheiro dele”, Lauth relata. “Os primeiros 2.000 dólares que eu recebi eram equivalentes ao que eu teria recebido pela minha parceria, se não tivesse perdido a parceria. Isso foi depois de a situação de Ally ser divulgada, Nairo IMEDIATAMENTE começou a me ligar porque algumas pessoas estavam tentando divulgar a nossa situação.”

Em 1º de julho, Lauth negou que ele e Quezada teriam mantido relações sexuais. Quezada respondeu o tweet, dizendo que tinha “confrontado Zack sobre isso no ano passado” e ficado “extremamente furioso quando ele admitiu”.

Lauth disse, porém, que Quezada ligou para ele, mandando negar a acusação. Depois da resposta inicial, Quezada teria tentado ligar para Lauth novamente e passado a ligar insistentemente quando não houve resposta. Lauth disse também que Quezada mentiu no tweet.

Imediatamente depois de Lauth publicar o TwitLonger, Quezada excluiu suas contas no Twitter e no Instagram, deixando apenas os canais da Twitch e do YouTube no ar. Lauth também excluiu os tweets em que mentiu sobre a situação e pediu desculpas por publicá-los.

Lauth reforça a legitimidade de suas acusações, adicionando diversas mensagens de Quezada e outras fontes como apoio. Além disso, Gavin “Tweek” Dempsey publicou um depoimento com sua perspectiva, dizendo “eu não incentivei que Zack tivesse relações sexuais com Nairo”.

“Na CEO Dreamland, eu estava extremamente doente e mal conseguia sair da minha cama. Zack e Nairo tinham começado a flertar especificamente nesse evento”, Dempsey relata. “Quando Zack saiu para o quarto de Nairo naquela noite, eu especificamente disse a Zack que não fosse, e ele foi e não voltou no mesmo dia. Nairo também sabia que eu sabia e, quando me visitou em Ohio, ele implorou que não contasse a ninguém.”

Lauth, que está banido por cinco anos por manipular resultados de partidas, se envolveu em um relacionamento com o ex-jogador profissional de Smash Elliot “Ally” Carroza-Oyarce quando tinha 16 anos. Ally se aposentou como jogador profissional em 2019, depois de admitir que mentiu sobre o relacionamento.

É improvável que Nairo responda publicamente depois de excluir suas contas nas redes sociais. Ele tem enviado mensagens às pessoas próximas dele na comunidade, como Ezra “Samsora” Morris, dizendo adeus e pedindo desculpas.

Atualização, 2 de julho, 11:50 BRT: A NRG anunciou que tinha “cortado todas as relações com Nairo”.

Artigo publicado originalmente em inglês por Cale Michael no Dot Esports no dia 02 de julho.