Jogadores do Fortnite descobrem um novo erro que permite atravessar paredes | Dot Esports Brasil

Jogadores do Fortnite descobrem um novo erro que permite atravessar paredes

A comunidade está irritada com outra falha nas construções.

IMG via Epic Games

Uma publicação no subreddit FortniteCompetitive revelou uma nova estratégia para atravessar paredes graças a um erro.

Trotz_DespiTe postou um clipe de jogo mostrando que o jogador estava indo em direção a um dos círculos finais quando encontrou um inimigo preso em uma estrutura de tijolos.

O jogador foi capaz de usar uma rampa e colocar um cone próximo à parede e ao chão de tijolos do inimigo. Normalmente, um jogador tentaria substituir a parede ou empurrar a estrutura inimiga, mas esse erro cria outra opção.

Para executar o erro, os jogadores devem colocar um piso com um cone em cima dele. Em seguida, edite o piso para remover os painéis inferior esquerdo e superior direito. Isso permitirá que um jogador caminhe pelo chão e chegue pelo canto do cone.

O jogador é capaz de acessar a parede inimiga facilmente e ganhar o elemento surpresa para uma rápida eliminação.

Alguns jogadores sugeriram que os inimigos pudessem colocar uma armadilha para oferecer proteção no caso de alguém atravessar a parede, mas Trotz_DespiTe respondeu que estar no meio da parede é suficiente para se defender.

Os jogadores postam erros no subreddit FortniteCompetitive, em um esforço para ganhar a atenção da Epic e, com sorte, corrigir as falhas.

Fãs preocupados com erros específicos ou que desejam acompanhar em que a Epic está trabalhando, podem acompanhar o quadro oficial do Trello de Fortnite.

O capítulo 2 de Fortnite, temporada 2, começará em 20 de fevereiro, com a Epic Games sugerindo que um novo motor de jogo será implementado. Os jogadores têm apenas algumas semanas para completar seus desafios, por isso, certifique-se de completá-los para ganhar cosméticos e experiência gratuitos!

Artigo publicado originalmente em inglês por Amanda Zelauskas no Dot Esports no dia 03 de fevereiro.