Team Liquid anuncia saída de seu time de Dota 2

Depois de uma boa campanha no TI9, os jogadores vão criar sua própria organização.

Imagem via MoreSky

Depois de a Team Liquid vencer o The International 7 e ficar em segundo lugar no TI9, neste ano, todos os jogadores do time de Dota 2 vão sair da organização, segundo um anúncio do diretor executivo Victor Goossens.

Maroun “GH” Merhej, Kuro “KuroKy” Takhasomi, Ivan Borislavov “MinD_ContRoL” Ivanov, Amer “Miracle-” Al-Barkawi e Aliwi “w33” Omar não fazem mais parte da Liquid e vão tentar criar sua própria organização de esports neste ano. Com base no anúncio da Liquid, parece que os jogadores vão tentar ficar juntos com outro nome, mas eles ainda não confirmaram essa possibilidade.

Os jogadores estão saindo da Liquid em comum acordo com a organização.

“Depois do TI9, sentei para conversar com Kuroky e Mohamed sobre nosso futuro”, disse Goossens. “Infelizmente, eles disseram que este seria o ano em que gostariam de seguir a ambição e o sonho que tinham de começar sua própria organização.”

A Liquid vai formar outro time de Dota 2 e continuar lutando pelo título no Dota Pro Circuit 2019-20, de acordo com Goossens.

Dota é um jogo, e também uma comunidade, em que acreditamos muito”, Goossens explica. “Queremos muito nos comprometer novamente e começar um novo projeto para longo prazo.”

A saída dos jogadores da Liquid vem alguns dias depois de Jesse “JerAx” Vainikka, da OG, dizer que não sabe se a equipe que venceu dois International seguidos vai continuar junta para a próxima temporada do DPC.

Goossens disse que achar jogadores desse nível “é um processo bem complicado”, e não disse explicitamente se a Liquid vai tentar conseguir os melhores jogadores de outros times assim que possível ou se vai trabalhar com novos talentos da cena.

Artigo publicado originalmente por Bhernardo Viana em inglês no Dot Esports no dia 13 de setembro.