Sledgehammer Games é a responsável pelo Call of Duty de 2021 e planeja continuar integração com Warzone

A desenvolvedora está confirmada e mais detalhes serão divulgados em breve.

Imagem via Sledgehammer Games

A Activision confirmou que a Sledgehammer Games está trabalhando no próximo título da franquia Call of Duty, que deve ser lançado ainda neste ano, no último trimestre (Q4), como é de costume na franquia.

Essas informações foram divulgadas em uma chamada com investidores, onde a Activision confirmou qual seria a desenvolvedora e também revelou que o próximo CoD seria feito com foco nos consoles da próxima geração.

“Quem está liderando o desenvolvimento é a Sledgehammer Games e o jogo está indo bem, dentro dos planos para um lançamento no segundo semestre”, disse o COO da Activision, Daniel Alegre. “É uma experiência feita para a próxima geração, com visuais estonteantes nos modos campanha, multijogador e cooperativo, e feita para integrar e melhorar o ecossistema existente de CoD. Estamos ansiosos para compartilhar mais detalhes com a comunidade em breve.”

A integração não é nenhuma surpresa, já que a Activision confirmou que CoD tem mais de 150 milhões de usuários ativos mensais em todos os títulos e plataformas, e boa parte disso se deve a Warzone e CoD: Mobile.

A Sledgehammer já liderou o desenvolvimento de CoD: Advanced Warfare e CoD: WWII, além de dar suporte à Treyarch, Infinity Ward e Raven Software em vários outros títulos, incluindo CoD: Black Ops Cold War, do ano passado.

Call of Duty 2021 poderia levar a franquia de volta à Segunda Guerra Mundial. Um suposto codinome do novo jogo seria Vanguard. Mas nenhum desses detalhes foi confirmado pela Activision nem pela Sledgehammer.

Artigo publicado originalmente em inglês por Cale Michael no Dot Esports no dia 04 de maio.