Erro em Call of Duty: Warzone está fazendo com que jogadores apareçam e morram no gás

Lamentável.

Imagem via Infinity Ward

Quando os jogadores morrem em Call of Duty: Warzone, eles recebem uma segunda chance, uma chance de corrigir seus erros e se redimir em um mano a mano. Eles são enviados diretamente para o Gulag, um quarteirão sujo no coração da Rússia, com apenas uma pistola. Se eles sobreviverem, estarão livres para entrar na batalha novamente e continuar seu ataque.

Bem, é isso que deveria acontecer. Para um jogador, as coisas não ocorreram conforme o planejado.

O jogador venceu a briga em Gulag, mas em vez de voltar para seus companheiros de equipe, ele apareceu no meio do gás. Depois de uma tela preta de três segundos e um breve ataque de tosse, ele morreu antes mesmo de chegar ao chão.

O gás em Warzone, ou o círculo, é um dos mais mortais do gênero battle royale. Se você for deixado para trás sem uma máscara de gás, estará condenado. Obriga os jogadores a tomar nota dos arredores, constantemente olhar para o mapa e usar veículos a seu favor.

O jogador nesse cenário, no entanto, não teve a opção de escapar. O erro acabou por ser o juiz, júri e carrasco.

Os jogadores devem aparecer onde morreram depois de ganhar o Gulag, mas eles sempre devem ter tempo para escapar do gás.

De qualquer forma, este é um erro que a Infinity Ward precisa consertar antes de atrair ainda mais jogadores.

Artigo publicado originalmente em inglês por Jerome Heath no Dot Esports no dia 17 de março.